Polícia

Ladrões levam mais 650 metros de cabose polícia pega 3 acusados em Sinop

Ladrões furtaram mais de 650 metros de cabos de energia elétrica de chácaras, madeireiras e um mercado em Sinop. Ontem, Leda Clair Ferreira foi até sua chácara que fica no condomínio Shallon, e constatou que foram furtados aproximadamente 50 metros de cabos que ligam o padrão da chácara até a rede. A vítima relatou que já faziam alguns dias que não tinham ido até a chácara, não sabendo informar a data do furto.
O corretor Sidnei Jose Turani, de 31 anos, também constatou que foram furtados cerca de 470 metros de cabos de alumínio, e que quebraram o posto de instalação, na noite de terça-feira, em sua residência na Estrada Alzira, no residencial Londrina.
Duas madeireiras também foram alvos dos ladrões. João Ferreira Agostinho chegou na madeireira Jordani Madeiras que fica na Estrada Claudete no São Cristóvão, ontem pela manhã, e constatou que foram furtados cerca de 30 metros de fios de cobre, que ligam a rede até o transformador.
Amilton Correa também verificou que foram furtados de sua madeireira, no mesmo bairro, uma determinada quantidade de cabos da rede elétrica e os ladrões ainda danificaram o transformador. A vítima relatou a polícia que no local havia rastros de bicicleta.
Ontem, José Nivaldo Bonifácio, acionou a polícia que haviam furtado de seu mercado que fica na rua das Tamareiras no bairro Jardim Botânico, cinco quilos de fios de cobre. Fazendo buscas nas ruas da cidade, a polícia deteve três menores que estavam com um pacote de fios, que declararam ter efetuado o furto e que iriam vender à João Pinheiro de Souza.
A polícia foi até a residência de um acusado, na rua das Gaivotas no bairro Jardim das Nações. Ele teria confessado o crime. João prestou depoimento e foi liberado.
A polícia continua investigando os casos, para verificar a possível ligação dos menores com os outros furtos.