Polícia

Homem preso por agredir mulher pode ter envolvimento em homicídio em Sorriso

Um homem preso no último sábado (24), acusado de agredir uma mulher, pode ter envolvimento no homicídio de Anilton Oliveira Silva, 19 anos, executado em julho do ano passado. O suspeito foi localizado pela Polícia Militar na avenida Blumenau, na região central, enquanto agredia a esposa dentro de um veículo, que estava estacionado. Ele estava com um revólver calibre 38 e cinco munições.

Segundo o delegado Getúlio José Daniel, o inquérito da morte de Anilton já havia sido concluído e a Polícia Civil apurou que o crime foi cometido por dois homens. Um deles havia sido preso ainda em novembro do ano passado. Já o segundo acusado, localizado na avenida Blumenau, no final de semana, estava com o mandado de prisão em aberto e era considerado foragido. 

“O inquérito já havia sido encerrado. Já tínhamos provas suficientes para vincular ambos os suspeitos ao crime. Tínhamos testemunhas oculares, que haviam prestado depoimento à polícia. Ambos terão oportunidade de, em juízo, prestar seus esclarecimentos. Futuramente, o tribunal do júri irá julgá-los. Eles têm todo o direito de defesa, mas as provas os vinculam a esse crime”, ressaltou Getúlio. 

O delegado detalhou ainda que as investigações concluíram que o crime foi cometido após um desentendimento entre os suspeitos e o sobrinho de Anilton. “Foi constatado que os suspeitos estavam transitando em um veículo em alta velocidade e que teriam quase atropelado o sobrinho da vítima, a qual tentou tirar satisfação. No momento da discussão, os suspeitos disseram que eram de uma facção criminosa e, logo após a discussão, saíram do local, retornaram armados e realizaram diversos disparos de arma de fogo em direção à vítima”. 

Conforme Só Notícias já informou, Anilton foi morto no bairro União. Ele estava em uma rua, quando foi atingido por quatro tiros. Os familiares fizeram os primeiros socorros e o encaminharam à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas ele não resistiu aos ferimentos.

Só Notícias/Herbert de Souza e Lucas Torres, de Sorriso (foto: Só Notícias/Lucas Torres)