Polícia

DHPP começa ouvir hoje testemunhas da briga entre vizinhos que terminou em morte em Sinop

Um investigador da Divisão Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) confirmou, ao Só Notícias, que as testemunhas do homicídio de João Carlos Maldaner, de 55 anos, que ocorreu numa residência, no bairro Jardim das Palmeiras começam a ser ouvidas hoje.

“Temos informações que eles discutiram horas antes do crime. Possivelmente isso tenha provocado um atrito entre eles e como consequência a morte. Começaremos apurar o caso e ouvir testemunhas a partir desta terça-feira”, disse o policial.

Conforme Só Notícias já informou, João Carlos foi atingido por golpe de faca na região do tórax. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas foi constatado que já estava sem vida.

De acordo com um sargento da Polícia Militar, no local havia vestígios de luta corporal, e o suspeito reside em uma kitnet ao lado da casa da vítima. Após o crime, pegou uma mala, fugiu em uma bicicleta e, até o momento não foi localizado.

Testemunhas apontaram que também houve discussão, e em seguida, já visualizaram o suspeito saindo correndo, e o homem com marcas de sangue pelo corpo.

O velório foi ontem, no memorial da funerária Luz e Vida e o sepultamento no final da manhã, em Sinop.

Só Notícias/Cleber Romero e Luan Cordeiro (foto: Só Notícias/arquivo e reprodução)