Polícia

Cruz deixa comando da PM no Nortão e nega que críticas resultaram em sua transferência

O coronel Jorge Cruz anunciou, oficialmente, agora há pouco, em entrevista coletiva, sua saída do posto de titular do 3º Comando Regional Norte da Polícia Militar (CR3), que abrange 36 municípios do Nortão, conforme Só Notícias já informou. Cruz disse que as críticas constantes sobre a PM em Sinop, e o aumento sensível no número nos índices de criminalidades registrados neste primeiro semestre, não tiveram relação com sua saída do comando. Ele afirmou que sai para atender a um convite do comandante geral da PM de Mato Grosso, coronel Leovaldo Sales, de quem será assessor, provavelmente como diretor de Administração Sistemática da PM do Estado.

“Deixo o comando com a sensação de dever cumprido e com a certeza que fiz o melhor para cumprir com meu dever que é garantir da segurança da população”, disse o coronel. Cruz também apresentou um balanço de seus 17 meses de comando, apontado as principais ações, avanços e também dificuldades enfrentadas por ele a frente da PM no Nortão. Ele apontou a criação das Companhias Comunitárias da PM em Sinop, a criação do Comando de Operações Táticas de Alto Risco (Cotar), a instalação do Gabinete de Gestão Integrada, do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) e Ações Cívicos Sociais, como as principais ações, onde foram desenvolvidas mais de 2 mil operações policiais.

Para o coronel, a principal dificuldade de sua “administração”, foi o efetivo reduzido. “Sabemos que está não é uma dificuldade exclusiva de nossa região. É uma problemática nacional, mas isto dificulta muito o trabalho da PM”, disse. A falta de verbas para custeio do quartel e de auxilio moradia para os oficiais também foram citadas. Cruz também colocou a cobrança exessiva e pouca participação de parceiros e da sociedade como uma das dificuldades encontradas pelo comando do CR3.

O coronel Jorge Cruz também elogiou seu substituto, o coronel Antonio Roberto de Moraes. “É um oficial de extrema competência e tenho certeza vai dar continuidade as coisas boas que vinham sendo desenvolvidas, e melhorar o que precisa ser melhorado”, disse Cruz. A troca de comando está marcada para acontecer na próxima terça-feira.