Polícia

Cinco são baleados durante tentativa de resgate de preso na UPA em Cuiabá

O tiroteio na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Morada do Ouro, ocorreu, esta tarde, durante a tentativa de resgate de um preso, de 31 anos. De acordo com a assessoria da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp), um bebê de 6 meses, a mãe dele, duas pacientes e um agente prisional ficaram feridos. Todos foram encaminhados ao Pronto-Socorro de Cuiabá e estão estáveis. O menor foi submetido a cirurgia e passa bem.

De acordo com informações colhidas pela equipe de plantão da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), coordenada pelo delegado Marcelo Jardim, três homens armados tentaram resgatar o homem que está preso pelo crime de homicídio, e que estava realizando triagem na recepção da unidade de saúde. Eles teriam feito uma mulher refém, mas os agentes penitenciários que faziam a escolta conseguiram evitar o resgate. Houve troca de tiros, resultando nos cinco feridos. Os criminosos fugiram e as polícias Civil e Militar trabalham para prendê-los.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) esteve no local realizando a coleta de vestígios para auxiliar nas investigações.