Polícia

Aumentam furtos e arrombamentos em Nova Mutum

A população de Nova Mutum está assustada com o crescimento do número de tentativas de furtos e arrobamentos. Somente nesta semana foram duas registradas pela Polícia Militar. O tenente Fernando Carneiro, comandante do Núcleo de Policiamento Militar, explica que a média mensal desses casos é de quatro ocorrências, mas devido a crise econômica, que tem levado o aumento do índice de desemprego no município, a tendência é de crescimento dos delitos. “Mas a polícia estará atenta e reforçando o trabalho para coibir a ação de marginais”. As tentativas de arroram na Papelaria do Estudante, que fica próxima do terminal rodoviário e na Esportiva. Na noite da última terça-feira, dia 6, um homem tentou entrar, mas o alarme de segurança foi acionado. “O pessoal vigilânica chegou e ainda viu um homem correndo”, conta Camilo, um dos proprietários.

Um dia depois, na madrugada da última quintafeira, dia 9, um homem tentou entrar na Esportiva, que fica no centro da cidade. Ele tentou entrar pela janela de vidro que dá acesso à loja, mas um vizinho percebeu a movimentação e acendeu a luz, assustando-o. “O meu vizinho contou que ouviu pancadas na janela e os latir. Acho que isso assustou o bandido que acabou fugindo”, conta Carlos César Porto, proprietário, acrescentando que vai instalar um sistema de segurança no local. O tenente Fernando diz que a PM está redobrando o número de blitz tanto na zona rural quanto na zona urbana. “Nós estamos atuando para tentar coibir esses delitos, que estão crescendo devido o aumento do desemprego. Estamos trabalhando forte na zona rural também, pois temos registros de furtos de defensivos agrícolas. Na cidade vamos redobrar o número de blitz para que a população se sinta mais segura”, garante.