domingo, 3/março/2024
PUBLICIDADE

Rumo a Cuiabá !

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

A inauguração do terminal ferroviário da ALL (América Latina Logística), empresa que detém a concessão da Ferrovia Senador Vuolo, representou muito mais do que um importante ato público com a presença da maior autoridade do país, até o mais simples colaborador da empresa que construiu o complexo intermodal, foi um momento ímpar da história. – Realmente, muito emocionante! Naquele instante, passou pela memória um filme de lutas e obstáculos presenciados ao longo da minha vida.

Nos vagões, que a cada cinco minutos eram carregados de grãos, pude comprovar a grandeza dessa obra. Em cada carreta que descarregava seus produtos, estavam a força e a riqueza dos produtores deste estado, que encanta o Brasil pela sua generosidade ao abastecer de alimentos os principais centros de consumo do mundo.

Como é maravilhoso ver um sonho ser materializado. Agora, compreendo ainda mais aqueles que constroem sua vida pautada em ideais. Homens visionários que se preocuparam em deixar um legado para as futuras gerações, mesmo sabendo que não estariam presentes fisicamente para ver os resultados de suas lutas. Para eles, a semente plantada por um ideal produz frutos para serem colhidos pelos que mais necessitam. E, esses frutos já estavam ali. De cima daquela locomotiva, pude ver.

Aliás, a cada trem que chegava e partia pude não só ver mas, enxergar o que aquilo representava: a certeza de que já podemos começar a comemorar os resultados dessa conquista.

Seguindo os instintos que um visionário sonhou, a chegada do trem a Rondonópolis consolida mais uma etapa do avanço dos trilhos em Mato Grosso e cumpre, na sua primeira parte, o que está previsto na Lei 6.346/76 de autoria do então Deputado Federal Vicente Vuolo que garante a ligação ferroviária de Aparecida de Taboado(MS) – Rondonópolis – Cuiabá.

O Terminal de Rondonópolis já funciona, e neste período de entressafra, carrega diariamente duas composições de 80 vagões cada. Trabalha com duas linhas de trem e possui em operação sete tombadores, local onde as carretas descarregam os produtos. Em 2012, a Ferrovia Senador Vuolo transportou, aproximadamente, doze milhões de toneladas de carga, com Rondonópolis saltaremos para, pelo menos, dezessete milhões na próxima safra. Uma verdadeira obra-prima para alguém que sonhou e lutou ter em seu estado tanta tecnologia a serviço do seu crescimento.

Ao retornar para minha querida Cuiabá, pois é para cá que a ferrovia seguirá, posso escutar no alto da minha consciência o apito daquela locomotiva. Imagino o seu som ecoando em nossa Capital trazendo consigo o desenvolvimento e a redenção para toda uma região.

Quero aqui, partilhar toda a minha emoção com aqueles que tanto fizeram e estão fazendo em defesa dessa conquista. A nossa luta será objeto de agradecimentos das futuras gerações da mesma forma, como agradecemos os atores da geração passada por nos ter deixado, como exemplo, a crença e a esperança de ver no futuro um mundo melhor.

Parabéns, Rondonópolis. Temos orgulho em ver os trilhos nessa carinhosa cidade. Agora, vamos para o próximo capítulo: Os trilhos RUMO A CUIABÁ!

Francisco Vuolo – secretário de Logística de Mato Grosso, presidente do Fórum-Pró-Ferrovia em Cuiabá e filho do ex-senador Vicente Vuolo.

 

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias

Endometriose: A importância do diagnóstico precoce

O Março Amarelo começou! É o mês mundial de...

O Indizível

Quando menino, a mãe pedia para eu ir ao...

A grande expectativa coletiva

É muito fácil presentear quem não precisa de amparo...