segunda-feira, 26/fevereiro/2024
PUBLICIDADE

O Condor está vivo e sobrevoa as Américas!

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Nos anos 50 e 60 a América Latina vivia uma efervescência por justiça e liberdade, eram lideranças nacionalistas  e progressistas que poderiam por em risco o projeto neoliberal de Washington. Lideranças como Jocobo Arbens, da Guatemala, Fidel Castro de Cuba, João Goulart (Jango) do Brasil, Juán Domingo Perón, da Argentina, Victor Paz Estenssoro da Bolívia, Salvador Allende, do Chile, pessoas revolucionárias para  a época, mais eram nacionalistas e progressistas do  que “subversivos” , podendo por em risco eminente o perigo “vermelho”, a “comunistização” da região.
Eis que surge o “Plano Condor”, idealizado por Henry Kissinger e executado pelos ditadores augusto pinochet do Chile e hugo banzer da Bolívia (pinochet se encarregava de limpar o estado, eliminado os “comunistas” e banzer tinha que limpar a igreja católica dos padres e bispos subversivos). O Plano inicialmente era composto por Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai. Posteriormente entra o Peru e o Equador, segundo o Dr. Martin Almada, paraguaio, Premio Nobel Alternativo da Paz , outorgado pelo parlamento Sueco, que hoje possui os arquivos secretos da ditadura de Stroessner do Paraguai.
Segundo estudos do Dr. Almada, a Escola das Américas, situada no Panamá, onde militares dos países signatários do “Plano Condor”, eram “treinados” para as torturas, agora essa escola está na Geórgia, ela funcionava como um QG das ditaduras de Latino-america, as receitas partiam dela e os militares treinados eram agentes da CIA, assim o projeto neoliberal foi posto à força na região.
Após quase 50 anos dessas barbáries cometidas contra nosso povo, parece que o Condor está vivo e sobrevoa as Américas, talvez a Escola das Américas não esteja focando o treinamento de militares, para torturar  os “subversivos”, talvez o foco seja outro tipo de agentes, ao que parece, os agentes da CIA hoje são  os jornalões.     Pois com a guinada que a América Latina está dando, enterrando o projeto neoliberal, com Lula no Brasil, Os Kichner na Argentina, Chávez na Venezuela, Evo Morales na Bolívia, Rafael Correa no Equador, Daniel Ortega na Nicarágua, Raul Castro em Cuba e Fernando Lugo no Paraguai.
Os impérios das comunicações desses países agem sistematicamente na tentativa de desestabilizar a democracia local, ora com movimentos separatistas ( o caso da Bolívia), ora por instar á uma guerra civil (caso da Venezuela). Porém o  mais comum é a difamação e a escandalização dessas administrações. O curioso de se notar,  mesmo que essa mídia transforme cotidianamente as administração dessas democracias, em grandiosos “escândalos”, elas vem acumulando vitórias, com a reeleição por exemplo de Correa no Equador, de Lula no Brasil, etc.
Os avanços sociais conquistados por esses povos não são noticias, preferem dar destaques aos filhos do bispo, as folhas de coca mascada pelo Evo, se transformam em nacionalistas defensores das empresas privadas brasileiras no Equador, mesmo que estas não tenham cumprido seus contratos. Cuba leva 5000 jovens bolivianos para estudar medicina, Venezuela outros 5000 para  estudar Engenharia Petroquímica, mutirão de cirurgia de olhos, erradicação de analfabetismo, assentamentos agrários, etc. Nada disso é noticia.
Ou a grande mídia está agindo de acordo com os ensinamentos da Escola das Américas, ou ela está substituindo os desprestigiados partidos de extrema direita (DEM e PSDB). Qual era a intenção da Folha de São Paulo publicar uma Ficha Policial falsa da Ministra Dilma Roussef, do período da ditadura militar (ditabranda para eles)?
Bolívar dizia: “nuestra ignorancia siempre fue planificada desde Washington” (nossa ignorância sempre foi planejada  desde Washington”)

Carlos Veggi é Consultor e Curioso do Mundo

O conteúdo aqui publicado é de total responsabilidade de seu autor e não reflete necessariamente a posição de Só Notícias

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias

Não é apenas água que falta em Várzea Grande!

Se você mora em Várzea Grande ou tem um...

Somos idealizadores de objetivos

Ao comprometermos com algo infinitamente superior as nossas forças,...

Aqui não cabe potoca

Antigamente, lá na roça os homens, em sentido lato,...

O seu pior inimigo pode estar no seu voto

Muitas pessoas estão apenas preocupadas em mudar o mundo...