Opinião

Dias melhores virão

Desistir, não é apenas um verbo qualquer, na verdade é acima de tudo uma ação que nunca deve ser usada, pois interrompe a nossa história.
         
Quando a vontade de conquista é forte o suficiente, todo o seu corpo é possuído por um prazer de se transformar num ser aspirante as conquistas de novos projetos e ao planejar cada meta, é que nos faz seguir em frente com passos seguros e que nos leva a ser diferente daqueles que não sabem aonde que quer chegar, e a partir daí, nem ninguém,  nem aquelas forças negativas que nasciam do nada, nem o medo de errar poderá impedi-lo ou fazê-lo desistir.
         
O importante é ter consciência de que cada dia não será apenas um dia qualquer, mas que a cada amanhecer passe a ser um novo recomeço da nossa história, e decisivamente fará com que possamos assumir a parte mais interessante e emocionante de estar vivo, que é estar sempre disposto, e continuar escrevendo nos capítulos da nossa história, pois  não é a vitória em si que nos engrandecem, mas o fato de não se acomodar nunca e de não estar entre aqueles que desiste facilmente, pois apesar dos pesares, as conquistas e as realizações estão nas vidas daqueles que jamais abriram mãos dos seus projetos realizadores.
        
Em cada um de nós existem muitas forças motivantes,  e ao descobri-las, recebemos uma sobrevida e renovamos as nossas energias, fazendo que cresçamos diante dos obstáculos e que nos faz empenhar na tentativa de vencer os obstáculos, fazendo com que as conquistas nos transforma e nos fortifique para continuar em busca de dias melhores, desistir nunca.

Wilson Carlos Fuah é economista, especialista em Recursos Humanos e Relações Sociais e Políticas em Mato Grosso
wilsonfua@gmail.com