Opinião

A solidão não é solução

Por onde andar irá levar consigo a incansável busca de relacionamentos, e logo, a solidão não é solução.
Pois mesmo morando no mato, logo estará falando sozinho e terá toda a natureza a te ouvir e em troca lhe dará o som dos cantos das aves e o eco dos bichos atravessando o filtro da mata e junto com o sussurro das águas que teimam em enfrentar os obstáculos, farão com que você acorde para a vida, e entenda que ao seu redor existe um pequeno universo mostrando a linguagem da sua existência, pois a solidão não é o isolamento do mundo, mas a frustrada tentativa de fuga de si mesmo.

Mas para onde você for, levará consigo, os problemas não resolvidos, a possibilidade de reencontros e a força do reiniciar impõe o desejo de buscar novos sonhos, agora engavetados, mesmo que às vezes usando as mesmas ferramentas sentimentais já gastas pelas inúmeras tentativas de um dia ser feliz, entenderá que o compartilhamento é chave da existência e lembre-se que a felicidade vem através do amor em todos os seus sentidos, principalmente porque uma das motivações em prolongar os nossos dias é distribuir as nossas realizações e conquistas com as pessoas que amamos.
A passagem pela vida resume em saber participar de um mundo em que se aprende jogar, ganhar e perder, pois são através desses resultados que o nosso coração nos ensinará a suportar as dores das derrotas e as alegrias das vitórias.

Ao buscar a liberdade temos que estar ciente da dor da solidão, pois antes temos que construir uma base espiritual, pois nesse caminho em busca da liberdade sempre perdemos pessoas e coisas que amamos, por isso, a melhor decisão de isolar-se do mundo, é preparar a alma para as possíveis perdas definitivas dos relacionamentos do passado e do presente, tenha certeza que ninguém é feliz sozinho.

Wilson Carlos Fuáh – Economista Especialista em Administração Financeira e Relações Políticas e Sociais em Mato Grosso - [email protected]