Geral

Uso de tanques adicionais por postos de combustíveis será debatido amanhã

Amanhã, das 08 às 12:00h, acontece uma audiência com com deputados estaduais, diretoria do Detran, Inmetro/Immeq, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal e representantes do Sindipetróleo (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo de Mato Grosso)
sobre a utilização de tanques adicionais por parte de grandes frotas e caminhoneiros nas estradas de Mato Grosso.

Um pré-estudo, realizado pelo diretor nacional de Postos de Rodovias da Fecombustíveis, Edson Serrou Barbosa, mostrou que Mato Grosso pode estar perdendo cerca de R$ 560 milhões em arrecadação de ICMS sobre a comercialização de óleo diesel, além de arcar com custos nas áreas de Saúde, Segurança e manutenção das rodovias, sem que haja consumo do produto no estado.

Serrou lembrou que para os postos o prejuízo também é incalculável, o que já representou a perda de pelo menos 600 empregos, com o fechamento de aproximadamente 50 empresas ao longo das rodovias de Mato Grosso. O diretor de postos de rodovias da região Norte, Laércio Estrela participará da audiência.