Geral

Tragédia-TAM: corpos de mato-grossenses ainda não foram identificados

O Instituto Médico Legal (IML) em São Paulo identificou, até agora, 18 corpos de vítimas do acidente com o Airbus 320 da TAM, que realizava o vôo 3054 de Porto Alegre a São Paulo. Mais de 186 pessoas morreram. Ainda não foram identificados, até agora, os corpos do empresário José Americo do Amaral, 64 anos, presidente do grupo Carroll’s Foods do Brasil (suinocultura), em Diamantino ( e que residia em Campos Grande-MS) e do estudante Bruno Nascimento, 21 anos, que morava em Rondonópolis.

Segundo o diretor técnico de Divisão do Instituto Médico Lega Central de São Paulo, Carlos Alberto de Souza Coelho, serão necessários mais de 30 dias para a identificação de todas as vítimas.

Identificados oficialmente até agora:
Alanis Ura Andrade
Caio Augusto Bueno Dalprat
Deolinda Magaly Victoria da Fonseca
Fábio Martinho Novakoski Fernandes
Fernando Volpi Estato
Guilherme Duque de Moraes
Inês Maria Kleinowski
João Francisco Caltabiano
José Antonio Lima da Luz
José Luiz Souto
Márcio Rogério Andrade
Michelle Dias Miranda
Melissa Ura
Oswaldo Luiz de Souza
Paulo Rogério Amoretty Souza
Rafaella Bueno Dalprat
Rosangêla Maria de Ávila Severo
Rubem Wiethaeuper

Leia mais
Avião da TAM desceu na pista a 200km/por hora, diz brigadeiro