segunda-feira, 20/maio/2024
PUBLICIDADE

Sinop: acusado de "metralhar" jovem vai a júri popular na 4ª

PUBLICIDADE

O acusado de assassinar a tiros Alex dos Santos Souza vai a júri popular na quarta-feira (24). O julgamento está marcado para às 8h30, no fórum. Consta na denúncia oferecida pelo Ministério Público Estadual, que Natanael Joaquim Ribeiro Pereira, 25 anos, teria feito uma emboscada e feito diversos disparos contra a vítima.

O réu foi preso dois meses após o crime ocorrido em setembro de 2009, no bairro Boa Vista. Ele está no presídio Ferrugem aguardando julgamento. Em 2010, a defesa pediu a revogação da prisão, porém a Justiça negou já que o acusado “é considerado perigoso, cabe registrar que após “metralhar”, a vítima, o réu fugiu e só foi recapturado por força de mandado”.

O réu confessou à polícia que cometeu o crime em companhia do menor V.H.C. Na versão ele indicou que teriam iniciado uma discussão com Alex por causa de um aparelho de som. “Na sequência o menor sacou uma pistola 380 e começou a atirar. Natanael também sacou um revólver calibre 32 e fez disparos”. Já o menor declarou que Natanael deu a pistola para ele e, na sequência, foram até um beco próximo da casa da vítima. Quando avistaram ele, o acusado começou a atirar e descarregou a arma.

Na audiência de instrução e julgamento, o menor negou que Natanael tivesse feito parte do crime e assumiu sozinho a autoria. O Ministério Público argumentou “que é praxe no mundo do crime, quando um delito é cometido em concurso com menores, estes assumirem a responsabilidade, cientes da significativa diferença do tratamento penal, no intuito de eximir os verdadeiros criminosos”.

 

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

PUBLICIDADE