Geral

Proprietários rurais de 59 municípios de MT são convocados para atualizar cadastro de energia elétrica

O governo federal e a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) estão convocando consumidores de todo o país classificados como rural que exercem atividade agrícola e rural ligados à irrigação e aquicultura, e possuem descontos tarifários na conta de energia elétrica, para atualizarem o cadastro junto à concessionária de energia. Em Mato Grosso, o recadastro será realizado em 59 municípios.

No Estado a atualização está sendo realizado exclusivamente nas agências da concessionária de energia, por meio de convocação por região. Neste ano, 71 mil clientes dos municípios de Água Boa, Alto Boa Vista, Alto Paraguai, Araguainha, Arenápolis, Aripuanã, Barra do Bugres, Barra do Garças, Bom Jesus do Araguaia, Brasnorte, Campinápolis, Campo Novo do Parecis, Campos de Júlio, Canabrava do Norte, Canarana, Castanheira, Cocalinho, Colniza, Confresa, Cotriguaçu, Denise, Diamantino, Gaúcha do Norte, General Carneiro, Juara, Juína, Juruena, Luciara, Nortelândia, Nova Marilândia, Nova Maringá, Nova Nazaré, Nova Olímpia, Nova Xavantina, Novo Horizonte do Norte, Novo Santo Antonio, Novo São Joaquim, Pontal do Araguaia, Ponte Branca, Porto Alegre do Norte, Porto dos Gaúchos, Porto Estrela, Querência, Ribeirão Cascalheira, Ribeirãozinho, Rosário Oeste, Santa Cruz do Xingu, Santa Terezinha, Santo Afonso, Santo Antonio do Leste, São Félix do Araguaia, São José do Rio Claro, São José do Xingu, Sapezal, Serra Nova Dourada, Tabaporã, Tangará da Serra, Torixoréu e Vila Rica, têm até 31 de outubro para procurarem atendimento. A atualização garante a permanência do benefício, que dá descontos que variam de 10% até 90%.

Entre essas classes se enquadram, por exemplo, consumidores que exercem atividades como agropecuária rural ou urbana, residencial rural, cooperativa de eletrificação rural, agroindustrial, serviço público de irrigação rural, escola agrotécnica e aquicultura.

Para o governo, o objetivo da convocação é revisar a documentação para conceder o desconto apenas para aqueles que estiverem enquadrados nas respectivas classes. Os consumidores das cidades convocadas que não comparecerem para atualização dentro do prazo definido perderão automaticamente o desconto.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)