Geral

Policiais apreendem molinetes e varas de pesca durante operação no Teles Pires em Sorriso

Os policiais militares e agentes do Núcleo Integrado de Fiscalização (NIF) apreenderam, hoje, no início da tarde, 10 molinetes 12 varas de pesca, redes, espinhais, uma gaiola durante fiscalização da operação Piracema, no rio Teles Pires, em Sorriso.

Foram feitas buscas pelo rio, mas os policias não conseguiram prender suspeitos. Os materiais apreendidos foram encaminhados à delegacia da Polícia Civil.

Conforme Só Notícias já informou, começou no dia 1º deste mês, o período de quatro meses de defeso da piracema, no qual fica proibida a pesca tanto amadora quanto profissional nos rios do Estado, até 31 de janeiro do ano que vem. O objetivo é garantir a proteção do período reprodutivo dos peixes das Bacias Hidrográficas do Paraguai, Amazonas e Araguaia – Tocantins que banham o estado.

Em Mato Grosso, 17 rios se encaixam na característica de rio de divisa, que segue com a pesca permitida até o final de outubro. Neste caso, a proibição inicia em novembro e vai até fevereiro do próximo ano. Entre os mais conhecidos estão o rio Piquiri, na bacia do Paraguai, que uma margem está em Mato Grosso e outra em Mato Grosso do Sul, o rio Araguaia, na bacia Araguaia-Tocantins, que faz divisa com Goiás e, na bacia Amazônica, o trecho do rio Teles Pires que faz divisa com o Pará.

Neste período, a operação Sinergia, intensifica a fiscalização por meio de barreiras terrestres, abordagens e patrulhamento fluvial para flagrar infrações, retirada de cevas e redes dos rios, e aplicação de multas. A operação é realizada em parceria entre a secretaria de Estado de Meio Ambiente, Polícia Militar, Delegacia Especializada de Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros, Centro Integrado de Operações Aéreas e Juizado Volante Ambiental.

 

Redação Só Notícias (fotos: assessoria)