Geral

Sacrário furtado de paróquia em Sinop é localizado em terreno abandonado

A paróquia São Camilo de Lélis confirmou, há pouco, nas redes sociais, que um ministro extraordinário da comunhão eucarística conseguiu recuperar o sacrário, local onde se guarda o Santíssimo Sacramento (eucaristia), furtado da igreja, na madrugada de ontem.

De acordo com nota, o sacrário, com a âmbula (cibório) e hóstias consagradas, estavam em um terreno abandonado nas proximidades da paróquia. A Polícia Civil, no entanto, informou, ao Só Notícias, que até agora ninguém foi preso. O suspeito fugiu em uma motocicleta, marca e modelo não apontados.

A paróquia também fará neste domingo, às 8h, durante a missa, ato de desagravo em decorrência do furto cometido, e será celebrado pelo bispo diocesano Dom Canísio Klaus. A ação “é um rito feito diante do Santíssimo sacramento ou na missa, pedindo perdão a Deus pelas ofensas cometidas diante de Jesus sacramentado”, informou a igreja nas redes sociais.

Conforme Só Notícias já informou, o crime foi flagrado pelas câmeras de segurança da igreja. No vídeo gravado, é possível ver que o criminoso tem uma lanterna nas mãos e fica andando pelo altar. Em seguida, ele vai até as duas caixas de oferta, as balança e então volta para o altar.

Ele permanece por mais alguns segundos com a lanterna nas mãos, procurando mais objetos pelo chão, até que vai no ponto onde ficava o sacrário, o tira e sai andando novamente para fora da igreja. Em outra imagem, é possível ver o criminoso fugindo.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: reprodução)