Geral

Nortão: hospital faz mutirão de cirurgias de ouvidos, nariz e garganta

O Hospital Regional de Alta Floresta “Albert Sabin” iniciou, este mês, mutirão das cirurgias eletivas de otorrinolaringologia e estão previstas 80 eletivas em diferentes especialidades médicas: adenoidectomia, amigdalectomia, septoplastia, turbinectomia e excerese de papiloma em laringe, todas são intervenções cirúrgicas de doenças que acometem os ouvidos, nariz e garganta. O mutirão é realizado inclusive aos sábados e domingos.

De acordo com a diretora do hospital, Lúcia Tizo, os pacientes – de diferentes faixa etárias – já estavam regulados pela Rede Municipal de Saúde e aguardavam pelos procedimentos, sendo que grande parte do público é criança.

Os recursos disponibilizados para a realização desses procedimentos são do Ministério da Saúde e da secretaria estadual de Saúde, em parceria com os municípios da região do Alto Tapajós: Alta Floresta, Carlinda, Apiacás, Paranaíta, Nova Monte Verde e Nova Bandeirantes; esses municípios deram a contrapartida em materiais hospitalares, que são utilizados nos procedimentos cirúrgicos.

“O Hospital Regional e a secretaria de estado de Saúde não mediram esforços para atender às reais necessidades da população. Mesmo sabendo que os procedimentos de otorrino são mais caros e que apenas o valor previsto pela Portaria não custeia o serviço, o Governo do Estado pagou pela diferença para suprir efetivamente as demandas da região”, explicou a secretária adjunta de Gestão Hospitalar da secretaria, Deisi Bocalon. A informação é da secretaria adjunta de Comunicação.

 

Só Notícias (foto: reprodução/arquivo)