quarta-feira, 17/julho/2024
PUBLICIDADE

MT firma parceria com a União para Observatório da Despesa Pública

PUBLICIDADE

A Auditoria Geral do Estado (AGE) estabeleceu, na semana passada, parceria com a Controladoria Geral da União (CGU) para ampliação do Observatório da Despesa Pública (ODP), unidade permanente de monitoramento dos gastos públicos por meio de cruzamentos eletrônicos de diversas bases de informações e dados. A parceria inclui treinamento e suporte técnico por analistas da CGU para utilização da ferramenta de investigação.

A parceria foi confirmada pelo diretor de Informações Estratégicas da CGU, Gilson Libório de Oliveira, e pelo coordenador-geral de Laboratório de Pesquisas e Informações Estratégicas, Henrique Aparecido da Rocha, durante visita técnica de auditores do Estado de Mato Grosso ao OPD, em Brasília (DF).

Mato Grosso será um dos 12 estados a ser contemplado com o suporte técnico da CGU para execução do projeto, por já estar em avançado estágio de implantação do Observatório. Auditores do Estado estiveram em Brasília para conhecer detalhes da metodologia de trabalho do ODP do Governo Federal, sob a gestão da CGU, para subsidiar projeto semelhante em fase de ampliação no Estado.

O Observatório trabalha com a verificação de situações, chamadas trilhas, que indicam ocorrências atípicas em determinados processos, o que sinaliza atenção especial dos auditores. Tais ocorrências são analisadas, isoladamente ou em conjunto, com vistas, principalmente, à correção de práticas que ocasionem prejuízos ao Estado, além de dar suporte para o desenvolvimento de políticas públicas e tomadas de decisões estratégicas.

Em Mato Grosso, além da área de pessoal e previdência, que desde agosto de 2011 já estava sendo piloto no processo, as demais unidades de auditoria serão contempladas com o sistema de inteligência: obras, pessoal, contratos, convênios, patrimônio, financeiro e contábil.

Na primeira fase do processo de ampliação do projeto, superintendentes de Auditoria e representantes do Centro de Processamento de Dados de Mato Grosso (Cepromat) e da empresa responsável pelo desenvolvimento da ferramenta identificaram as bases de informações do Poder Executivo Estadual e União a serem inseridas no sistema. A próxima fase será a elaboração do projeto técnico pela empresa responsável.

Porém, até a elaboração e finalização do projeto, o superintendente de Auditoria em Tecnologia da Informação da AGE-MT, Anderlei Barbosa, observa que a sistemática será implementada em menor escala, mediante construção de trilhas de investigação por áreas de auditoria interna.

A implantação do Observatório da Despesa Pública pela AGE integra o contexto da transformação do órgão em Controladoria e é apenas uma das diversas ações em andamento decorrentes desse processo.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Coruja é resgatada em área de risco por morador de Sorriso

O filhote de coruja suindara (tyto furcata), também conhecida...

Justiça do Trabalho em Nova Mutum é a maior em número de novas ações

O Tribunal Regional do Trabalho informou que a vara...

Mulher que estaria embriagada sofre acidente com moto no Nortão

O acidente de trânsito envolvendo uma Honda Bros ocorreu,...

Motociclista é socorrida após colisão com caminhonete em Sinop

O acidente envolvendo Toyota Hilux branca e a Yamaha...
PUBLICIDADE