Geral

Morre no hospital mulher esfaqueada pelo ex-marido em Sinop

Edinalva dos Santos,  de 46 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu após dar entrada na unidade hospitalar. Ela foi esfaqueada esta tarde, em uma residência localizada no bairro Jardim Imperial e socorrida por terceiros. Seu ex-marido foi preso em flagrante acusado de assassinato.

O advogado dele, Gilberto Dias disse que, “a princípio, seria uma tentativa de feminicídio, chegando na delegacia foi informado que a vítima faleceu no hospital. Ele está esperando ser ouvido pelo delegado. A autoridade vai intender o que aconteceu, nós vamos acompanhar as oitivas e as autoridades irão tomar as medidas cabíveis. A defesa também que já começa a atuar neste momento para tentar esclarecer o que realmente aconteceu. Ele ainda está em estado de choque, não conseguiu se acalmar para explicar”.

O filho da vítima flagrou a situação consegui tomar a faca do suspeito, que fugiu a pé do local. A Polícia Militar foi acionada e conseguiu localizá-lo logo em seguida. “Recebemos ligação de que o ex-marido chegou na residência e teria desferido golpes de faca contra a mesma. Mobilizamos as guarnições para fazer o cerco. Encontramos correndo com resquícios de sangue da vítima. Ele foi conduzido a delegacia”, explicou o tenente da PM, no momento do crime.

É o terceiro assassinato em Sinop, em 72 horas. Sábado à noite, em uma lanchonete, Ana Lúcia Xavier Ferreira, foi atingida por golpes de faca e morreu. Domingo à noite, no bairro Jardim  Buritis, Gabriel Felix da Costa, de 18 anos, foi baleado e faleceu.

Só Notícias/David Murba (foto: arquivo pessoal - atualizada 05:55 em 15/12)