domingo, 23/junho/2024
PUBLICIDADE

Médicos podem entrar em greve em Mato Grosso

PUBLICIDADE
Só Notícias/Gazeta Digital

O Sindicato dos Médicos do Estado de Mato Grosso (Sindmed) irá se reunir no dia 15 de janeiro para uma assembleia geral. A reunião irá discutir diversos pontos de reivindicação da categoria e também a possibilidade de greve.

Uma assembleia dos médicos que trabalham para o município de Cuiabá está marcada para quarta-feira (8) e irá discutir demandas da categoria e uma possível paralisação.

A presidente do Sindimed, Evelyn Hack Bidigaray, afirmou que a diretoria irá se reunir no dia 8 e logo em seguida haverá a assembleia com a classe. Ela não adiantou quais as mudanças impostas aos servidores serão discutidas e afirmou que a greve é sempre uma possibilidade.

Segundo a convocação para a assembleia estadual, publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), estão na pauta concurso público, adicional de insalubridade, condições de trabalho, terceirização, e, principalmente a mudança no percentual de contribuição dos servidores estaduais.

Conforme a reforma da Previdência proposta pelo Executivo, o desconto da previdência dos funcionários foi alterado de 11% para 14%. A idade para aposentadoria também foi fixada em mínimo de 65 anos.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

PUBLICIDADE