Geral

Manifestantes em Peixoto Azevedo contestam liminar impedindo bloqueio da 163

Neste momento, a presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Matupá, Roseli Hermann, está em Cuiabá, reunida com a Ouvidoria do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), para definir como prosseguirá o protesto dos trabalhadores pela criação do projeto de assentamento do Planalto do Iriri, em Matupá.

Os trabalhadores estão elaborando a defesa contra a liminar expedida no início da semana para desbloqueio da rodovia sobre a ponte do rio Peixoto. “Estamos tentando contestar a liminar, mas à tarde é que teremos a reunião definitiva e saberemos como continuaremos com o protesto”, confirmou, ao Só Notícias.

Em Sinop, os filiados ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Porto dos Gaúchos, que bloqueavam a BR-163 próximo ao Camping Clube, decidiram não interromper o tráfego na rodovia até a próxima terça-feira, por causa de um comunicado do Incra de que está sendo feita a vistoria na fazenda que deve ser desapropriada para que dezenas de famílias sejam assentadas.