quarta-feira, 17/julho/2024
PUBLICIDADE

Justiça trabalhista condena empresa de MT por atraso de salários

PUBLICIDADE

Uma indústria têxtil do Estado foi condenada a indenizar um ex-empregado por danos morais pelo fato de ter frequentemente atrasado o pagamento dos salários. Somado a indenização, de R$ 6 mil, e incluindo demais direitos do trabalhador, a empresa foi condenada a pagar cerca de R$ 40 mil.

A decisão é do juiz da 1ª Vara do Trabalho Cuiabá, Alex Fabiano de Souza, em ação proposta pelo empregado demitido sem justa causa, que pleiteou o pagamento de diversos direitos como aviso prévio, adicional de periculosidade, horas extras, entre outros. Ele pediu ainda dano moral em razão de seguidos atrasos no pagamento dos salários mensais.

De acordo com a assessoria, ao analisar o pedido, o juiz salientou que estava comprovado nos autos os seguidos atrasos no pagamento dos salários, e que em muitos outros processos contra esta mesma empresa, tal fato se repete. Neste caso, a empresa inclusive deixou de pagar a rescisão. Por isso, considerando o caráter alimentar do salário, é presumível a dimensão do dano. “É evidente que houve lesão de ordem sentimental/psíquica significativa”, apontou o magistrado.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Coruja é resgatada em área de risco por morador de Sorriso

O filhote de coruja suindara (tyto furcata), também conhecida...

Justiça do Trabalho em Nova Mutum é a maior em número de novas ações

O Tribunal Regional do Trabalho informou que a vara...

Mulher que estaria embriagada sofre acidente com moto no Nortão

O acidente de trânsito envolvendo uma Honda Bros ocorreu,...

Motociclista é socorrida após colisão com caminhonete em Sinop

O acidente envolvendo Toyota Hilux branca e a Yamaha...
PUBLICIDADE