Isabelle Drummond, vegetariana, oferece carne em delivery

José Eduardo da Costa Borro depoimento CPI Obras da Copa - fevereiro 2016 (Angelo Varela)

Adepta do vegetarianismo e de uma alimentação sem frituras e refrigerantes, Isabelle Drummond não abriu mão da proteína animal no cardápio de seu delivery de comida fresca e saudável no pote. “Temos carne na Levê, mas a nossa questão é influenciar para que se diminua o consumo de animais. Até para não sobrecarregar essa indústria e os animais. A nossa carne é verde. Os animais vivem livres e só se alimentam de coisas naturais, nada de ração, por exemplo”, explica a atriz em entrevista ao Purepeople. As opções sem carne, claro, não faltam: “queremos que as pessoas saibam o que estão comendo. Rotulamos alguns dos nossos pratos de vegano e vegetariano para as pessoas saberem o que leva, mas nossos pratos quase não usam leite, por exemplo.”

Além da preocupação com o consumo de animais, a Levê, resultado da parceria entre Isabelle e a sócia, Mariana Fernandes, oferece as sete linhas de pratos em embalagens eco-friendly. “Nossas sacolas são biodegradáveis, os talheres também. São de uma empresa do Sul. Eu vou pesquisando sobre meio ambiente e acabo chegando nesses fornecedores. Nossos pockets são retornáveis e esterilizados, menos as tampas que são recicladas”, conta.

Prestigiada por Klebber Toledo e Camila Queiroz no lançamento da Levê, em outubro de 2017, Isabelle Drummond vê no negócio uma forma de ajudar o próximo. “Acreditamos que trabalhar com alimentação pode, de alguma maneira, servir ao social. No final do ano, montamos uma mesa no Centro do Rio e servimos comida da empresa para as pessoas. Sentamos para jantar com eles, conversamos e foi uma experiência incrível”, lembra ela, que mantém com a sócia alguns projetos, como estufas em comunidades. “Queremos levar saúde para as pessoas, mostrar que a alimentação é parte do organismo. E o fim de tudo para a gente são as ações sociais.”

(OFUXICO)