Geral

Governo do Estado aumenta salário previsto no novo concurso para policiais, bombeiros e peritos

Os sete editais para cargos das forças de segurança passaram por alterações, que foram publicadas em edição extra do Diário Oficial do Estado de ontem (24), aumentando os salários iniciais revistos para oito carreiras. Para os oficiais da PM e Bombeiros passam a ser R$ 9 mil iniciais, soldados de R$ 3.5 mil. Porém após o curso de formação, o salário de soldado  bombeiro será de R$ 5.1 mil. Para peritos da Politec, R$ 14,9 mil.

Mesmo com as retificações em itens como remunerações, provas objetivas, testes de aptidão, condições incapacitantes e exames médicos e o cronograma com prazos, a data das provas é a mesma e os exames teóricos serão dia 20 de fevereiro, aplicados pela Universidade Federal de Mato Grosso em Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Sinop e Barra do Garças.

O concurso será para formação de cadastro de reserva, no entanto, o governador Mauro Mendes já anunciou que a previsão é de que 1,2 mil novos servidores sejam nomeados ainda este ano

Para a Polícia Judiciária Civil, as vagas são para escrivão e investigador. Já para Politec, os aprovados no concurso preencherão cargos de perito oficial criminal, perito médico legista e perito odonto legista.

O concurso exige que os candidatos tenham ensino superior completo, sendo que algumas vagas possuem exigência em áreas específicas de formação, como é o caso do curso de Direito para oficiais da PM e Corpo de Bombeiros e de Medicina e Odontologia para perito médico legista e perito odonto legista.

A homologação do resultado do concurso deverá ocorrer no dia 29 de junho e o certame tem validade de dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois.

Só Notícias (foto: arquivo/assessoria)