Geral

Exército apreende em Mato Grosso cargas ilegais de madeira avaliadas em R$ 10,5 milhões

Os militares do Exército com apoio da Polícia Rodoviária Federal e agentes do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (INDEA) apreenderam de quinta-feira até ontem, em Comodoro (638 quilômetros de Cuiabá) cerca de 1.011 metros cúbicos de madeira ilegal e 30 caminhões, com valor estimado de R$ 10,5 milhões. Não foi divulgado se alguém foi preso.

As ações fazem parte da operação “Verde Brasil 2”, que é coordenada pela vice-presidência da República em apoio aos órgãos de controle ambiental e de segurança pública. A missão foi deflagrada pelo governo Federal, no 11 de maio e visa ações preventivas e repressivas contra delitos ambientais na Amazônia Legal.

Conforme Só Notícias já informou, na terça-feira, em Sinop, foram empregadas cerca de 30 viaturas com aproximadamente 90 militares do Exército Brasileiro com a finalidade de estabelecer a Base de Operações, no Tiro de Guerra de Sinop, localizado na avenida dos Jequitibás, no bairro Setor Industrial Norte.

Os militares do Exército também atuarão em conjunto com a operação Amazônia Arco Norte das secretarias de Estado de Meio Ambiente (Sema) e de Segurança Pública (Sesp) contra crimes ambientais dentro da Amazônia Legal no Estado e operações de garantia da Lei e da Ordem.

Só Notícias/Cleber Romero (fotos: assessoria)