Geral

Cai número de eleitores em Mato Grosso; Várzea Grande, Cuiabá e Sinop lideram redução

O eleitorado de Mato Grosso caiu 4,1% nos últimos 12 meses. Dados estatísticos, divulgados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), apontam queda de 2,263 milhões para 2,170 milhões de eleitores. Dos 142 municípios, 109 tiveram aumento e 33 sofreram redução.

Entre os que sofreram redução estão os que passaram pela revisão com cadastro biométrico. Isso ocorreu porque, de acordo com o TRE, a Justiça Eleitoral cancelou a inscrição eleitoral de todos os eleitores que não atenderam à convocação.

Diante desse cenário, Várzea Grande sofreu uma redução de 24% (de 183.968 para 139.843), seguido por Cuiabá, com perda de 24% (de 413.975 para 327.273) e Sinop, que de 93.316 cadastrados passou para 87.810, o que representa um percentual de – 17,6%.

No período avaliado, Lucas do Rio Verde apresentou o maior índice de crescimento em seu eleitorado que passou de 39.514 para 43.056. Na sequência está Brasnorte que passou de 10.663 para 11.531 eleitores. Na última colocação, entre os municípios que apresentaram crescimento de eleitorado está Alto Garças, com aumento percentual de 0,1% (de 7.319 para 7.323).

O tribunal divulgou ainda que, nos próximos meses, os eleitores que estão com o título cancelado devem procurar a Justiça Eleitoral para regularização. Com isso, deverá haver modificação no quantitativo de cada município.

Segundo o órgão, o levantamento considerou apenas as inscrições em situação regular com a Justiça Eleitoral, não sendo considerados para fins de estatísticas as inscrições canceladas ou suspensas.

Redação Só Notícias