Geral

Cai número de acidentes e mortes no trânsito de Sinop

O número de mortes no trânsito de Sinop, neste primeiro semestre de 2005, é menor que no mesmo período de 2004. É o que aponta um balanço do
Corpo de Bombeiros, que Só Notícias teve acesso. Nos 6 primeiros meses do ano passado morreram 13 pessoas em acidentes. Este ano foram 09.

O balanço aponta também queda no número de acidentes automobilísticos. Foram 58 até o mês passado, com uma diminuição de aproximadamente 37% em relação ao primeiro semestre de 2004. Os acidentes envolvendo motos tiveram queda menor. 435 ano passado e 331 de janeiro a julho deste ano. A média mensal caiu de 62,14/mês em 2004 para 47,28 em 2005.

Por outro lado, o número de atropelamentos aumentou de 109 para 125.
Junho foi o mês com maior número de acidentes este ano em Sinop. Foram 94 e, desstes, 61 são motociclisticos, 09 automobilísticos e 24 atropelamentos.

Também houve aumento de 12,6% no número geral de ocorrências atendidas pelos bombeiros: acidentes, incêndios, afogamentos, dentre outras.
Nos 12 meses de 2004 foram registrados pelos bombeiros 1.066 acidentes, com 33 mortes.

O IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) fez estudos nos principais centros urbanos do país sobre acidentes. Segundo a pesquisa, o custo médio de um acidente sem vítimas é de R$8.782, já se tiver uma vítima com ferimentos leves, é de R$17.640. Se for um acidente com morte, o custo é de R$144.143. Os valores são levantados conforme custos gerados, tanto para o Estado como para os proprietários dos veículos, sendo avaliados danos aos veículos, honorários aos policiais, aos peritos e bombeiros, transporte, médicos, medicamentos, entre outros.