Geral

Aeroporto de Sinop deve operar por instrumentos após 20 de janeiro

Usuários do aeroporto municipal presidente João Figueiredo ainda teráo que conviver com os transtornos de voos cancelados por mau tempo nesta época de chuvas frequentes. A previsão é que somente a partir do dia 20 de janeiro, o aeroporto passe a operar por instrumentos, oferecendo assim orientação precisa ao piloto do avião que esteja na fase de aproximação final na pista, mesmo em dias nublados e chuvosos. Anteriormente, havia sido mencionado que até o final deste mês (dezembro) estaria em funcionamento.

A nova previsão foi repassada ao Só Notícias pelo secretário Municipal de Finanças, Teodoro Lopes, que esteve em São Paulo, na sede de uma empresa aérea que opera na cidade. O equipamento será disponibilizado pela empresa, é autorizado pelo Departamento de Controle de Espaço Aéreo (Decea) e faz parte de um sistema de aproximação por instrumentos.

Uma sala no terminal foi disponibilizada para instalação do equipamento, que deve ser feito por empresa terceirizada. O valor dos aparelhos não foi inforrmado.

Outro aparelho, mais moderno, está incluso no pacote de instrumentalização do aeroporto, que foi contemplado com mais de R$ 100 milhões no programa de investimento e estruturação de aeroportos brasileiros anunciado, este ano, pelo governo federal, mas que ainda não saiu do papel e a previsão de modernização para Sinop não se consolidou.

A documentação já tramita em um banco que, por sua vez, fará licitação para contratação de empresa especializada para a reestruturação do aeroporto. Não foi menconado prazo.