domingo, 26/maio/2024
PUBLICIDADE

Acusado de homicídio tem júri popular redesignado em Sinop

PUBLICIDADE

Emerson Etore Moraes, 31 anos, não deve ser julgado hoje pela acusação de ter matado Roni Clei Marengoni. O júri popular foi redesignado, pela primeira vara criminal, para o dia 17 de maio, às 8h30, segundo o Tribunal de Justiça. O motivo da mudança é “a impossibilidade por problemas de saúde do advogado do réu”. O crime ocorreu em novembro de 1996. A vítima foi morta a tiros enquanto pilotava sua moto na rua dos Cajueiros, próximo a escola Enio Pipino. Segundo o processo, o réu conduzia o veículo – perseguindo a vítima – enquanto um outro acusado atirava.

Este seria o segundo julgamento da temporada. O primeiro, marcado para a última segunda-feira, também foi redesignado. Elízio Alfredo, 44 anos, não foi encontrado durante a intimação. Ele responde por tentar matar Rubens de Almeida Costa, 60 anos, em setembro de 2007, enquanto viajavam em um ônibus entre Juara e Sinop. A nova data marcada é 31 de maio.

De acordo com a primeira vara criminal, até o momento os demais júris continuam mantidos. O próximo é sexta-feira. Rodrigo dos Reis Costa é o réu. Ele responderá a acusação da morte do borracheiro Beline Nunes da Silva, ocorrida em 2007.

 

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Motociclista morre em colisão com carro em rodovia no Nortão 

Gilberto da Silva Oliveira, de 43 anos, faleceu após...

Incêndio atinge armazém com 4 mil toneladas de soja em Sorriso 

O Corpo de Bombeiros de Sorriso, foi acionado ontem...

Carro pega fogo e fica parcialmente destruído em Sinop; vídeo

O incêndio em um Ford EcoSport ocorreu nesta madrugada,...
PUBLICIDADE