quinta-feira, 18/julho/2024
PUBLICIDADE

Abrigo atende em Cuiabá 94 idosos e 58 esperam vagas

PUBLICIDADE
Só Notícias

A Fundação Abrigo Bom Jesus, única instituição beneficente que recebe idosos em situação de vulnerabilidade em Cuiabá, cuida atualmente de 48 mulheres e 46 homens e a fila dos Centros de Referência e Assistência Social tem 58 idosos aguardam por vagas. O cenário foi apresentado nesta quarta-feira (19) pela presidente da fundação, Márcia Ferreira, como parte da campanha de enfrentamento à violência contra a pessoa idosa, realizada pelo Ministério Público do Estado e parceiros.

Segundo ela, apenas nos últimos seis meses, 15 idosos vítimas de abandono foram acolhidos pela instituição. Desse grupo, quatro foram abandonados em hospitais. São casos em que o familiar levou o idoso para receber o atendimento médico e nunca mais voltou. “Muitas vezes, esse idoso tem sérios problemas de saúde e para o hospital já seria um doente em fase terminal. Apesar de não sermos uma instituição de saúde, acabamos nos solidarizando e acolhendo”, explicou a presidente.

A Fundação Abrigo Bom Jesus é uma instituição de longa permanência que se mantém com doações da iniciativa privada e com recursos oriundos de convênios firmados com o poder público municipal. Gerenciada por um Conselho Deliberativo, integrado por 19 conselheiros que exercem suas atividades de forma voluntária, a instituição possui atualmente 70 funcionários.

Segundo a presidente da fundação, a folha mensal de pagamento desses profissionais totaliza R$ 185 mil. Existe um convênio firmado com a Secretaria de Assistência Social do Município que garante à instituição repasse mensal de R$ 130 mil. O Ministério Público do Estado de Mato Grosso também já realizou destinações de recursos oriundos de termos de ajustamento de conduta para realização de projetos na entidade, a exemplo da recente reforma da ala feminina da unidade.

Embora as razões que os levaram ao abrigo normalmente estejam associadas a sofrimentos, a presidente da Fundação, Márcia Ferreira, assegurou que na unidade os idosos são felizes. “Não é um espaço de tristeza, é um espaço de muita alegria”, enfatizou.

A entidade aceita doações para as pessoas que atende. A principal demanda é por desodorante spray, creme hidratante e talco e também faz agendamento de visitas, informa a assessoria do MP.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Dados de satélite indicam redução no número de focos de calor em Mato Grosso

Dados do Programa BDQueimadas do Instituto Nacional de Pesquisas...

Homem fica ferido em colisão entre carro e moto em Sinop

Um homem ficou ferido em um acidente no setor...

Coruja é resgatada em área de risco por morador de Sorriso

O filhote de coruja suindara (tyto furcata), também conhecida...
PUBLICIDADE