Esportes

Situação do Cuiabá fica dramática e aumenta risco de rebaixamento na reta final do Brasileirão

A primeira passagem do Cuiabá no Campeonato Brasileiro da Série A, ganhou contornos dramáticos na reta final. Se o clube chegou a sonhar com uma possível vaga para Libertadores durante o torneio, hoje, o Dourado está com 18% de riscos de queda para Série B e vive momento delicado, sendo o primeiro time fora da zona do rebaixamento, com apenas três pontos de diferença para o Bahia.

O fraco desempenho do clube mato-grossense, nas últimas partidas, vem assustando a torcida. Ontem, em rodada atrasada, o algoz da vez foi um concorrente direto na briga pela sobrevivência, o Athletico Paranaense, na Arena da Baixada, que com um placar de 1 a 0 complicou ainda mais a situação do Dourado.

De olho na tabela, o Cuiabá enxerga o Grêmio com 91% de rebaixamento, e o Bahia com 75%. O time gaúcho enfrenta Corinthians e Atlético-MG, já o time baiano tem pela frente o Fluminense e o Fortaleza nas últimas duas rodadas, e seca o Cuiabá nas partidas diante do Fortaleza, na próxima segunda-feira na Arena Pantanal, e o Santos por último na Vila Belmiro.

Logo acima do Dourado vem o Juventude (12%), São Paulo (2%), Athletico-PR (1%) e Santos (1%) com chances de cair de divisão.

Ainda que pressionado, o Cuiabá depende dele mesmo para confirmar sua permanência na elite do futebol brasileiro. O clube precisa vencer para se afastar, ou torcer para Grêmio e Bahia não pontuarem nas últimas duas rodadas.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)