Esportes

Sidcley é apresentado no Cuiabá, fala sobre problemas de peso e destaca qualidade; “mais ofensivo”

O lateral-esquerdo Sidcley foi oficialmente apresentado no Cuiabá, esta manhã. O atleta de 29 anos chegou de empréstimo junto ao PAOK da Grécia. Apesar de não ter planos de voltar para o Brasil neste momento, Sidcley revelou que ficou convencido após o projeto apresentado pelo Dourado.

“No momento eu não estava querendo voltar para o Brasil, mas o Cuiabá me procurou, tem um projeto lindo. Eu gostei, junto com meu empresário e minha família. Eu com o Cuiabá estou muito focado para chegar no objetivo, que não é onde o Cuiabá está hoje”, revelou

O defensor também falou sobre problemas de peso que teve quando retornou ao Corinthians. “Muita gente não sabe, fiquei muito tempo parado na Ucrânia quando tive a proposta do Corinthians. Eu estava mesmo (acima do peso), pedi para ficar um tempo treinando, mas foi muito rápido. Essa época não me ajudou muito, porque veio a quarentena e nunca havia acontecido antes. Não deu tempo. Logo quando eu estava pronto pra jogar, veio a quarentena, e estava perto de acabar meu contrato. Agora estou bem, estou focado para ajudar o Cuiabá a sair dessa condição, que não é a posição que o Cuiabá tem que estar”, explicou.

Sidcley também destacou que é um lateral bastante ofensivo. “Sempre fui mais ofensivo, gosto de chegar muito, fazer gols. Gosto de apresentar o melhor futebol que eu posso ter no momento. É minha característica. Gosto de estar no ataque, 100%. Como eu falo, para ajudar o Cuiabá estarei pronto e focado no objetivo.

Desde maio sem atuar, o lateral disse que ainda não está 100%. “Tem um pouco de tempo que não jogo um jogo oficial. A gente está conversando, contra o Fluminense está muito em cima. Estou treinando, estou focado, espero ajudar o Cuiabá o mais rápido possível e estar pronto para jogar. Já vinha treinando no Espírito Santo, onde moro. Estava focado, com alimentação boa, para quando chegasse alguma oportunidade, como chegou a do Cuiabá, eu já estar preparado”, finalizou.

Só Notícias/Kelvin Ramirez (foto: assessoria)