Esportes

Recuperado da Covid, atacante do Cuiabá diz que irá brigar por titularidade

Após cerca de duas semanas afastado em decorrência da Covid, o atacante Osman retornou aos treinamentos e garante que está pronto para voltar a busca por titularidade. Ele foi desfalque nas vitórias diante do Santos e Juventude, e volta ficar à disposição contra o Fluminense, na segunda-feira, às 19h.

Apesar de não esconder o anseio de titularidade, o atacante garantiu que dará o melhor independente dessa condição. “A semana só está começando, tem bastante dias para trabalhar, o Jorginho testar aquilo que acha melhor para o grupo, independente de começar jogando ou entrar depois, eu vou fazer meu melhor”, pontuou.

Quando testou positivo para a Covid, Osman estava perto de receber chance como titular, no duelo com o Santos, e não escondeu a chateação. “Deu tudo certo, claro que fica chateado, mas foi do jeito que Deus quis, não da maneira que eu esperava. Agora é trabalhar novamente para quando a oportunidade aparecer eu estar preparado. Não teve sintomas, mas o pior ficar dentro de casa trancado. A partir do momento que pediram pra eu treinar, até correr em volta do campo foi bom”, ponderou.

Para o jogo com o Fluminense, o Cuiabá terá as ausências dos atacantes Clayson, Elton e Jenison, que cumprem suspensão. Essas baixas podem fazer com que Osman já apareça entre os 11 titulares. “Cada um vai buscando seu espaço dentro do clube. O Cafu aproveitou a oportunidade, por isso está tendo sequência, da mesma maneira também os outros estão tendo oportunidade. Quando ela aparecer tem que aproveitar”.

Por fim, ele ainda mirou os 3 pontos contra o time carioca. “Independente dos jogadores que venham, é o Fluminense. Uma equipe tradicional no futebol, e nós temos que fazer nossa parte, não nos preocupar com a equipe deles, fazer nossa estratégia, nossa tática, se fizermos um bom trabalho, da maneira que estamos fazendo, tenho certeza que podemos sair com os 3 pontos”, completou.

Classificação

1 Atlético-MG – 42 pontos
2 Palmeiras – 35
3 Flamengo – 34
4 Fortaleza – 33
5 Bragantino – 32
6 Corinthians – 29
7 Fluminense – 28
8 Cuiabá – 27
9 Internacional – 26
10 Atlético-GO – 26
11 Athletico-PR – 24
12 Ceará – 24
13 Santos – 23
14 Juventude – 23
15 Bahia – 22
16 São Paulo – 22
17 América-MG – 21
18 Grêmio – 19
19 Sport Recife – 17
20 Chapecoense – 10

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: assessoria/arquivo)