Esportes

Jô é a grande estrela da premiação Bola de Prata dos destaques do brasileirão

O atacante Jô foi a grande estrela da premiação Bola de Prata, que elege os melhores jogadores do Campeonato Brasileiro em cada posição do torneio. Além de assegurar o posto de centroavante na disputa, ele ainda foi eleito o melhor jogador do certame e dividiu com Henrique Dourado, do Fluminense, a artilharia da competição, ambos com 18 gols marcados na edição de 2017 da competição nacional.

O goleador corintiano se mostrou muito emocionado com a conquista, a primeira vez em que ele discursou dessa maneira no seu ano de redenção. “É complicado porque eu tive uns anos difíceis, não vinha de momentos bons na minha carreira. Tenho que agradecer ao meu pai, minha família, meus companheiros”, discursou o atacante, enquanto tentava segurar as lágrimas por ser o Bola de Ouro.

Além dele, o Alvinegro emplacou outros dois nomes na equipe, sem contar o técnico Fábio Carille, que recebeu a láurea Telê Santana. Com a adição de Fagner e Balbuena, o Timão se igualou ao Grêmio, outro time que teve três atletas entre os melhores da competição. Santos, Coritiba, São Paulo, Cruzeiro e Palmeiras foram outros clubes a ter cada um, um representante.

A seleção, formada por notas dadas durante toda a competição, ficou com Vanderlei; Fagner, Balbuena, Pedro Geromel e Thiago Carleto; Michel, Hernanes, Thiago Neves, Luan e Dudu; Jô. No futebol gaúcho desde 2014, Geromel chegou ao terceiro prêmio consecutivo. Hernanes, ganhador em 2007 e 2008, também chegou à terceira. Dudu, que levara em 2016, Luan, em 2015, e Thiago Neves, em 2007, foram levaram pela segunda vez.

O meia Otero, do Atlético-MG, ainda recebeu a láurea por ter feito o gol mais bonito da competição ao encobrir o goleiro Wilson, do Coritiba, em chute do meio-campo, na 36ª rodada do torneio. “Fico muito feliz  de ganhar um prêmio no futebol brasileiro, um venezuelano chegando a isso”, concluiu o armador.