sábado, 13/abril/2024
PUBLICIDADE

Grêmio é derrotado pelo São Luiz e volta a perder título da Recopa Gaúcha após 3 anos

PUBLICIDADE
Gazeta Esportiva (foto: assessoria)

O São Luiz conquistou seu primeiro título da temporada. Na noite desta quarta-feira, na final da Recopa Gaúcha, o time de Ijuí (RS) bateu o Grêmio, por 2 a 0, em duelo realizado no Estádio 19 de Outubro. Bruno Uvini (contra) e Gabriel Pereira fizeram os gols do triunfo dos donos da casa.

Com o revés fora de casa, o Grêmio voltou a perder o título da Recopa Gaúcha após três anos consecutivos levantando a taça e perdeu a oportunidade de ganhar o torneio pela quinta vez. O Tricolor Gaúcho foi campeão em 2019, 2021, 2022 e 2023.

Já o São Luiz coloca o troféu da competição pela primeira vez em sua estante e consegue a tão sonhada revanche contra o Grêmio, que saiu campeão no ano passado justamente com uma goleada de 4 a 1 sobre a equipe de Ijuí.

Agora, os dois clubes retornam a campo neste sábado pela 11ª e última rodada do Campeonato Gaúcho. Às 16h30 (de Brasília), o Grêmio recebe o Guarany na Arena do Grêmio, enquanto o São Luiz terá pela frente o Santa Cruz-RS no Estádio 19 de Outubro.

O jogo – A primeira grande chance de gol foi do São Luiz. A bola sobrou com Márcio Duarte do lado esquerdo. O lateral cruzou na grande área, a bola desviou em Fábio e foi em direção ao gol. Atento, o goleiro Caíque se recuperou e conseguiu afastar.

A primeira chegada perigosa do Grêmio, por sua vez, foi aos 15 minutos. Fábio avançou pelo lado direito e cruzou na grade área. Nathan subiu sozinho e cabeceou, mas o goleiro Raul se esticou todo e espalmou para escanteio.

Aos 30 minutos, o São Luiz quase abriu o marcador com um golaço. João Vitor fez linda jogada individual e arrancou com a bola, cortando da direita para o meio. Quando chegou na entrada da área, o lateral finalizou, mas mandou por cima do gol gremista.

Oito minutos depois, o goleiro Raul salvou o São Luiz. Nathan cobrou falta para dentro da área e o zagueiro Natã apareceu sozinho para cabecear, mas o arqueiro fez boa defesa para evitar o primeiro gol do Tricolor gaúcho.

Em um primeiro tempo de equilíbrio, quem de fato abriu o placar foi o São Luiz. João Vitor arrancou pelo lado direito e cruzou rasteiro na grande área. O zagueiro Bruno Uvini tentou afastar, mas acabou mandando contra o próprio gol: 1 a 0.

Na volta do intervalo, o São Luiz retornou pressionando o Grêmio e conseguiu marcar o segundo gol. Lucas Souza encontrou lindo passe para Borasi, que se infiltrou, adentrou a grande área e finalizou na saída de Caíque para ampliar para os donos da casa. No entanto, a arbitragem pegou impedimento do autor do gol – apesar de, pela imagem inicial, parecer que o atleta estava em posição legal.

João Vitor seguiu infernizando a defesa do Grêmio. Dessa vez, aos cinco minutos da segunda etapa, o lateral recebeu na grande área e avançou com a bola, chutando forte, mas mandando pela linha de fundo.

E foi aos 26 minutos que o São Luiz ampliou a vantagem. Borasi deu lindo passe de três dedos e encontrou Gabriel Pereira se infiltrando pelo lado esquerdo da grande área. O atacante finalizou de primeira e superou Caíque para fazer o segundo dos mandantes na partida.

Já nos acréscimos da decisão, o tempo fechou e houve uma confusão generalizada. No fim, Gustavo Martins, do Grêmio, e Lucas Hulk, do São Luiz, foram expulsos.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Internacional estreia no Brasileirão vencendo Bahia

Pressionado pela sequência negativa de resultados na temporada, o Internacional...

Após 2 gols, Deyverson entra em time da semana da Sul-Americana

A Conmebol divulgou nesta sexta-feira o time da semana...

Mixto feminino encara o Athletico-PR na estreia do Brasileirão neste sábado

O Mixto feminino enfrenta o Athletico-PR no primeiro duelo...

Cáceres anuncia treinador para disputa da 2ª divisão do Mato-grossense

O Cáceres Esporte Clube anunciou o técnico Eduardo Luersen...
PUBLICIDADE