Esportes

Fluminense se recupera e goleia o Coritiba pelo Campeonato Brasileiro

Fluminense se recuperou no Campeonato Brasileiro ao vencer por 4 a 0 o Coritiba, nesta segunda-feira, no Nilton Santos, pelo encerramento da 12ª rodada. Com o resultado, os tricolores chegaram a 17 pontos e vão terminar a rodada na sétima posição. Já os paranaenses, com 11, ficam a beira da zona de rebaixamento.

Os tricolores abriram o placar logo no início, com Michel Araújo, em golaço de fora da área. O Coritiba ainda teve boas chances de empatar, com Robson. No entanto, no segundo tempo, o Fluminense chegou ao segundo gol, com Felippe Cardoso. Os donos da casa ainda marcaram o terceiro, com Nino, e o quarto, com Ganso, para determinar a goleada.

Na próxima rodada, o Fluminense terá o clássico contra o Botafogo, neste domingo, no Nilton Santos. No mesmo dia, o Coritiba, que recebe o São Paulo, no Couto Pereira.

O jogo – O Fluminense começou a partida melhor e abriu o placar logo aos sete minutos. Michel Araújo arriscou de longe e acertou o ângulo de Wilson.

Mesmo depois do gol, o Fluminense seguiu melhor em campo. Tanto que os donos da casa desperdiçaram boas chances com Nino e Wellington Silva.

O Coritiba só conseguiu levar perigo aos 29 minutos. Matheus Bueno arriscou de fora da área e obrigou Muriel a fazer boa defesa. A partir dai, os visitantes melhoraram e perderam chance incrível aos 41 minutos. Robson recebeu passe na pequena área, mas mandou pela linha de fundo. Assim, o Fluminense conseguiu segurar a vantagem até o intervalo.

No segundo tempo, o Coritiba voltou melhor e quase empatou aos nove minutos. Robson chutou de fora da área e acertou a trave de Muriel.

Aos poucos, o Fluminense equilibrou e chegou ao segundo gol aos 15 minutos. Felippe Cardoso, que tinha acabado de entrar, foi lançado na área, driblou Wilson e mandou para a rede.

O novo revés foi sentido pelo Coritiba. Os visitantes diminuíram o ritmo e viram o Fluminense dominar o jogo. Os tricolores mantiveram a ofensividade e chegaram ao terceiro gol, aos 26 minutos. Após cobrança de falta na área, Matheus Ferraz escorou para Nino apenas mandar para a rede.

O Coritiba ainda assustou aos 33 minutos, quando Robson tentou o cruzamento, mas viu a bola ir na trave. Só que aos 41 minutos, em contra-ataque rápido, Yago entrou na área, mas foi empurrado por Natanael. O árbitro marcou pênalti e expulsou o lateral. Ganso cobrou com categoria para dar números finais no Nilton Santos.

Gazeta Esportiva (foto: Lucas Merçon/assessoria)