Esportes

Ex-presidente da Fifa, Blatter afirma que “Palmeiras é o primeiro campeão mundial”

O torcedor palmeirense tem mais um motivo para afirmar que seu time é, de fato, o primeiro campeão do mundial de clubes da história. Em entrevista concedida ao jornal Folha de S. Paulo, o ex-presidente da Fifa Joseph Blatter afirmou que a conquista da Copa Rio de 1951 deve ser considerada como o primeiro título mundial de um clube.

“Disse hoje para todas as pessoas que me perguntam há três dias: o Palmeiras é o primeiro campeão mundial dos clubes. Eu posso dizer porque não sou mais presidente da Fifa. Para mim, é o Palmeiras”, disse o ex-mandatário, banido do futebol por acusações de corrupção.

Blatter se encontra na Rússia, a convite do presidente Vladimir Putin, para acompanhar a Copa do Mundo. O suíço ainda era presidente da Fifa em 2014, quando Aldo Rebelo, ex-ministro do Esporte, anunciou ter recebido a confirmação do fato por parte da entidade máxima do futebol mundial.

No site oficial da Instituição, porém, não há qualquer menção ao Palmeiras pelo título de 1951, embora o Verdão já tenha sido parabenizado por ser o vencedor do “primeiro campeonato global” da história. No ano passado, a Fifa chegou a afirmar que os títulos mundiais interclubes seriam contabilizados somente a partir do ano 2000. Portanto, todas as conquistas do século passado não seriam consideradas.

A Copa Rio de 1951, sediada por São Paulo e Rio de Janeiro, foi disputada a partir de um formato com dois grupos. O primeiro foi constituído por Vasco, Áustria Viena-AUS, Nacional-URU e Sporting-POR, enquanto o segundo era composto por Palmeiras, Juventus-ITA, Nice-FRA e Estrela Vermelha-SER. Os alviverdes se classificaram para o mata-mata no segundo lugar da chave, passaram pelo Vasco nas semifinais e reencontraram a Juve na decisão. O título veio após uma vitória por 1 a 0 no jogo de ida, seguida por um empate em 2 a 2 na volta.