Esportes

Em dia de festa, Grêmio vence Goiás na Arena lotada e sobe na tabela

No dia em que completa 116 anos de história, o Grêmio deu um verdadeiro presente aos torcedores que foram à Arena neste domingo. Em partida válida pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Tricolor Gaúcho venceu o Goiás pelo placar de 3 a 0 e subiu na classificação. Jean Pyerre, Everton e Alisson marcaram os gols ainda no primeiro tempo.

Com o resultado, o Imortal se aproximou do G6, chegando a 28 pontos e ocupando a oitava colocação. O São Paulo, primeiro time da zona de classificação à Copa Libertadores, tem 31 pontos, mas ainda joga na rodada. O Esmeraldino, por sua vez, estagnou nos 21 pontos e está na 15ª posição.

Pela próxima rodada, o Grêmio entra em campo no sábado (21), às 21h (de Brasília), quando visita o Santos na Vila Belmiro. Já o Goiás encara o Fluminense no domingo (22), às 19h, no Serra Dourada.

O jogo – O primeiro tempo foi de ampla superioridade do Grêmio, que deixou o Goiás acuado no campo de defesa. Nos 45 minutos iniciais, a equipe comandada por Renato Portaluppi finalizou 16 vezes, contra apenas três chutes do adversário.

E com a pressão intensa, não demorou para que o Tricolor tirasse o zero do placar. Aos 27 minutos, Jean Pyerre bateu colocado de fora da área e marcou um golaço, sem chances para Marcelo Rangel. Quatro minutos depois, Everton passou para Alisson na entrada da área e recebeu de volta para mandar para o fundo das redes e ampliar a vantagem.

Com dois gols na frente, o Imortal não parou de atacar e chegou ao terceiro aos 44 minutos. Alisson recebeu cruzamento rasteiro de Bruno Cortez, dominou com categoria e finalizou no canto esquerdo do goleiro esmeraldino, levando um grande resultado para o intervalo.

Na segunda etapa, mesmo em desvantagem, o Goiás voltou determinado a, pelo menos, diminuir a diferença no marcador. Aos 11 minutos, Gilberto desviou após cobrança de escanteio de Marcelo Hermes e exigiu grande defesa de Paulo Victor. Aos 29, Rafinha recebeu na área, soltou a bomba e acertou a trave esquerda do goleiro gremista. Contudo, o 3 a 0 persistiu até o final do confronto, que terminou com gritos de “olé” da torcida tricolor.

Gazeta Esportiva (foto: Lucas Uebel/assessoria)