Esportes

Dudu marca, Palmeiras vence Bragantino e retoma a liderança

O Palmeiras retomou a liderança do Grupo B do Campeonato Paulista na noite desta segunda-feira. No último jogo pela sexta rodada do torneio estadual, com o atacante Dudu inspirado no primeiro tempo, o time alviverde conseguiu se impor e ganhou do Bragantino por 2 a 0.

Com 13 pontos, o Palmeiras volta ao primeiro lugar de sua chave. A equipe palestrina havia sido temporariamente ultrapassada pelo Novorizontino, agora segundo colocado com 11 pontos. Já o Bragantino é o vice-líder do Grupo C e tem oito pontos, um a mais do que o Corinthians.

Pela sétima rodada do Campeonato Paulista, o Bragantino volta a campo para enfrentar o São Caetano às 16h30 (de Brasília) deste sábado, no Estádio Anacleto Campanella. Já o Palmeiras pega a Ferroviária às 17 horas de domingo, na Fonte Luminosa.

O Jogo – Superior ao Bragantino desde o início, o Palmeiras conseguiu sair na frente logo aos sete minutos do primeiro tempo. Em bela jogada de contra-ataque, Moisés recebeu pelo meio e passou para Dudu na esquerda finalizar com categoria na saída do goleiro Alex Alves.

O Palmeiras ampliou sua vantagem no Pacaembu aos 28 minutos do primeiro tempo. Após jogada individual iniciada pela esquerda, Dudu deixou Borja em condições de marcar. Ao tentar driblar o arqueiro adversário, o colombiano sofreu pênalti. Na cobrança, Gustavo Scarpa converteu.

O Bragantino chegou a levar algum perigo um minuto antes do fim do tempo regulamentar. Matheus Peixoto aproveitou sobra na entrada da área e bateu forte. O veterano Fernando Prass, bem posicionado, espalmou a bola pela linha de fundo e cedeu escanteio.

O Palmeiras voltou aceso para a etapa complementar e teve três boas chances para marcar. Ao pegar rebote de chute de Dudu, mesmo com o gol vazio, Borja mandou por cima. Pouco depois, Marcos Rocha recebeu de Felipe Pires e bateu cruzado, muito perto. Em seguida, Moisés arriscou de longe e deu trabalho a Alex Alves.

Em uma rara chegada do Bragantino, Adriano Paulista cobrou falta pela esquerda e exigiu boa defesa de Fernando Prass. Com o domínio das ações, o Palmeiras quase aumentou em chute de Felipe Pires, que pegou a sobra de jogada equivocada de Gustavo Scarpa e bateu para fora.

Sem correr grandes riscos no campo de defesa, o Palmeiras encurralou o Bragantino em seu campo de defesa durante boa parte da etapa complementar. O técnico Luiz Felipe Scolari usou Bruno Henrique (Moisés), Carlos Eduardo (Dudu) e Lucas Lima (Gustavo Scarpa), mas o placar permaneceu inalterado.

Gazeta Esportiva (foto: Cesar Grecco/arquivo)