Esportes

Cuiabá faz jogo equilibrado mas perde para o Corinthians e dá adeus à Copa SP

O último representante de Mato Grosso acaba de ser eliminado da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Há pouco, o Cuiabá foi derrotado, por 3 a 1, pelo Corinthians, em partida válida pela segunda fase. Com o resultado, o Auriverde volta para casa e o Timão segue na busca do 12º título.

Na próxima etapa, os jovens alvinegros enfrentarão o Juventude. O duelo contra os gaúchos ainda não tem data, local e horário divulgados pela Federação Paulista de Futebol, mas a tendência é que ocorra na segunda ou terça-feira.

Para mais de 10 mil torcedores, o Timão fez o dever de casa e bateu o time do Mato Grosso. Daniel Marcos inaugurou o marcador aos 38 da primeira etapa. Léo Pereira ampliou logo aos seis do segundo tempo, e Luís Antônio descontou, com 12 minutos também da etapa complementar. No último lance do jogo, Gabriel Pereira marcou um golaço para decretar a vitória corintiana.

O jogo – A partida começou bastante equilibrada, com as duas equipes se estudando. Contudo, com paciência, o Corinthians começou a dominar as ações do jogo e chegar com perigo. Diante do panorama, o Cuiabá se fechou e marcava com os 11 jogadores atrás da linha da bola. A redenção corintiana veio aos 38 minutos, quando Vitinho cruzou, a bola atravessou a área e Daniel Marcos abriu o placar.

Se a etapa inicial não começou com emoção, sobrou na complementar. Aos seis, Ruan Oliveira roubou a bola de Real e serviu para Léo Pereira, que dominou dentro da área e chutou com categoria para o fundo do gol. Sem se deixar levar, o Dourado já respondeu com 12 minutos. Luciano levantou na área e Luís Antônio marcou, de cabeça.

Depois do movimentado reinício de jogo, o encontro voltou a equilibrar, aberto de chances para os dois lados. Mas, a experiência corintiana prevaleceu. O time do Corinthians soube cadenciar o jogo e envolveu o time mato-grossense, esperando o apito final. Gabriel Pereira, com um lindo gol, sacramentou o resultado, aos 48.

Só Notícias com Gazeta Esportiva (foto: Rodrigo Gazzanel/assessoria)