Esportes

Cuiabá arranca empate do líder Operário mas perde posição na Série C

O Cuiabá acaba de empatar por 1 a 1 para o Operário-PR, em partida válida pela 15º rodada do campeonato Brasileiro  da Série C, no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, no Paraná. Com o resultado o time Mato-grossense somou, mais um ponto, mas perdeu a vice-liderança para o Botafogo que venceu o Joinville por 2 a 0.

No primeiro jogo entre Cuiabá e Operário-PR, realizado no mês de maio, o Dourado goleou o Operário por 4 a 0, na Arena Pantanal. O próximo desafio do Cuiabá será contra o Ypiranga-RS, no domingo (29), às 14h30 (horário MT), no estádio Colosso da Lagoa, no Rio Grande do Sul.

No jogo desta tarde o primeiro tempo foi bastante movimentado com muitas faltas, tentativas, mas poucos lances de perigo e chances claras de gol. Apesar de jogar na casa do adversário, o Cuiabá teve maior posse de bola, e as melhores oportunidades nas bolas paradas como na falta perigosa próximo a grande área pelo lado esquerdo, em que o goleiro Simão precisou de dois tempos para fazer a defesa.

O Operário teve maior reação no final do primeiro tempo, mas a zaga do Dourado estava atenta e ficou no zero a zero.

No segundo tempo, o Operário chegou mais ofensivo, em um passe do volante Chicão, pelo lado direito, Erick cabeceou, mas o goleiro Victor Souza fez a defesa.

Na sequência Dione Ribas chutou de pé esquerdo de fora da área, e bem posicionado o goleiro do Cuiabá espalmou. Cleiton cobrou escanteio, mas o time paranaense não aproveitou o lance.

O Cuiabá também teve oportunidade em um escanteio, Eduardo Ramos cobrou, mas o operário tirou de qualquer maneira.

O time paranaense continuou insistindo. Índio tocou para o lateral esquerdo Peixoto, que teve dificuldade, mas conseguiu furar a marcação, cruzar, só que a bola foi desviada. Dione cobrou mal e foi tiro de meta para o Dourado.

Na sequência, em um contra-ataque rápido pela direita, Cleiton mandou uma bomba na trave, Bruno Batata pegou a sobra e empurrou para o fundo da rede. Operário 1 a 0.

Cuiabá não se abateu, partiu para o ataque e foi parado pelo capitão do time que rufou a bola para fora.

O Operário continuou fazendo pressão em cima do Dourado, dando trabalho para o goleiro Victor Souza.

Aos 43, o goleiro Simão do Operário foi fazer graça e acabou perdendo para o Bruno Sávio do Dourado, que chutou pro gol, a bola bateu na trave voltou, ele mandou novamente e acertou a outra trave, o Jenison ficou com a sobra, a bola desviou no goleiro e morreu no canto esquerdo. Cuiabá 1 a 1.

Só Notícias/Débora Lobo (foto: assessoria/arquivo)