Esportes

Bruno Peres é apresentado como reforço do São Paulo e se dispõe a fazer várias funções

Reforço para a lateral direita, Bruno Peres foi apresentado pelo São Paulo durante a tarde desta segunda-feira, no CT da Barra Funda. Após receber a camisa 15 das mãos do diretor-executivo de futebol Raí, o jogador de 28 anos revelou a influência do dirigente em sua decisão de voltar ao Brasil após quatro anos atuando no futebol italiano – ele foi emprestado pela Roma até o fim de 2019.

“O Raí me ligou e eu já tinha um desejo de voltar. Falei para meus pais, para minha mulher, que se tivesse algo no Brasil eu voltaria. O Raí me liga, me apresenta um projeto muito bacana. Falei para ele que ‘meu sim você já tem’. Estou voltando para um clube que tem um projeto fantástico”, contou o atleta.

Revelado pelo Grêmio Osasco Audax, Bruno Peres se notabilizou como ala ofensivo jogando pelo Santos, entre 2012 e 2014. “Gosto de ir para o ataque, sou veloz, gosto do drible, do um contra um”, descreveu. No entanto, após passagens por Torino e Roma, ele garante ter se tornado um jogador mais versátil na Europa e se coloca à disposição para ajudar em outras posições.

“Foi uma experiência muito boa, acrescentou muito na minha carreira. Estou muito mais maduro e experiente. Com a minha chegada posso ajudar bastante, podendo fazer outras funções, como já fiz. Poder passar aquilo que eu aprendi. Vou estar à disposição para jogar aonde o treinador optar. Vou tentar exercer da melhor forma a função que ele pedir”, assegurou, antes de detalhar em que outras posições pode atuar.

“A minha função é a de lateral, mas se ele precisar que eu jogue no meio, de volante, de ponta aberto pela direita ou esquerda. A Europa me ensinou a ser polivalente. Estou à disposição para executar o que for pedido”, ressaltou.

Como estava de férias na Itália, Bruno Peres terá de passar por um trabalho de pré-temporada até poder integrar os trabalhos com o elenco. Por isso, ele não estima uma data de estreia com a camisa tricolor, mas é certo que ele não enfrentará o Flamengo, nesta quarta-feira, no Rio de Janeiro.

“Dar um prazo certo é complicado, mas estou treinando, tentando encurtar o máximo de tempo possível para jogar. É duro correr sozinho à parte, ver os caras jogando, mas não vou dar um prazo, porque é difícil. Mas em breve vou estar à disposição para ajudar o São Paulo”, prometeu.

Gazeta Esportiva (foto: assessoria)