Esportes

Atacante chega a Porto Alegre para assinar com o Internacional

Fora dos planos do Corinthians, Gustagol viajou a Porto Alegre e está na capital gaúcha para acertar sua transferência ao Internacional. O centroavante será submetido a exames médicos e deve ser emprestado ao Colorado até o final da temporada.

Gustagol não havia treinado no Corinthians na última sexta-feira e ficou de fora da lista de relacionados para o clássico contra o São Paulo, no sábado. O Timão ouviu também clubes de fora do país interessados em contar com o jogador, porém o Internacional venceu a concorrência pelo atleta.

Desde que chegou ao Inter, Eduardo Coudet pediu à diretoria a contratação de um centroavante, que será o reserva de Paolo Guerrero na temporada. Gustagol chamou a atenção do treinador argentino quando o Corinthians enfrentou o Racing, ex-clube do técnico, pela Sul-Americana do ano passado. O atacante, inclusive, marcou o gol do Timão no empate por 1 a 1 entre os dois clubes, em São Paulo.

Gustagol atuou em três partidas pelo Corinthians em 2020. O centroavante entrou no segundo tempo nas partidas contra o Mirassol, pelo Campeonato Paulista, e Guaraní-PAR, pela Libertadores, além de ter atuado durante os 90 minutos contra a Inter de Limeira, também pelo estadual.

Mesmo com poucas oportunidades, Gustagol não marcou gols na temporada e foi criticado pelo desempenho. Com sua saída, Tiago Nunes terá Boselli e Vagner Love como opções para a posição de centroavante. Além disso, Yony González também pode atuar centralizado no ataque.

Gustagol chegou ao Corinthians em 2016, vindo do Criciúma. Sem espaço no início, foi emprestado ao Bahia e ao Goiás no ano seguinte, porém também não conseguiu brilhar em nenhuma das duas equipes. Já em 2018, o centroavante foi repassado ao Fortaleza, onde foi um dos grandes destaques da campanha do título da Série B conquistado pelo Leão do Pici.

Com moral, voltou ao Corinthians e iniciou o ano de 2019 com boas atuações e gols marcados. No entanto, caiu de desempenho após o primeiro trimestre e perdeu prestígio no Timão. Ao todo, o atacante disputou 65 partidas pelo Alvinegro e marcou 14 gols.

Gazeta Esportiva (foto: Gazeta Press/arquivo)