Educação

Sinop tem 2 mil vagas para novos alunos na rede Estadual e matrículas estão com baixa procura

A Assessoria Pedagógica informou, há pouco, ao Só Notícias, que são 2 mil vagas para novos alunos. No levantamento, a escola Nilza de Oliveira Pipino é a única com turmas fechadas, enquanto nas unidades Zeni Vieira, Nossa Senhora de Lourdes, Olímpio João Pissinati Guerra, Bom Jardim, Edna Dalabetta, não há turmas completas ainda devido à baixa procura dos pais em matricular os filhos.

Ainda não há demanda nem nas Escolas de Desenvolvimento Integral de Educação Básica (Ediebs), os antigos Cejas. Os pais devem procurar “as escolas, para que sejam realizadas as matrículas presencialmente. Depois, as escolas não conseguem realizar as matrículas por conta do sistema da Seduc”, explicou a assessora pedagógica Janaína Chitolina.

Esta tarde, a secretaria estadual de Educação prorrogou até a próxima quarta-feira o período para novas matrículas na rede estadual de ensino. O prazo estava previsto para terminar nesta sexta-feira. Para o ano letivo são ofertadas mais de 78,3 mil vagas em 323 escolas de 52 municípios.

A decisão de ampliar o prazo foi tomada devido à baixa procura de pais e responsáveis para garantir vagas para as crianças e adolescentes no ano letivo de 2021. Até esta manhã, foram feitas 19,8 mil solicitações para matrículas, o equivalente a 25% do total.

Só Notícias (foto: assessoria - atualizada às 15h43)