Educação

Secretário acompanha em Sorriso início das obras de escola militar e unidades que receberão ampliações

O secretário de Estado de Educação, Alan Porto visitou, há pouco, a área onde está sendo construída a Escola Militar Tiradentes Cabo Dilceu Antônio da Silva Amaral, no Portal Kaiabi, em Sorriso com investimento de R$ 5 milhões, sendo que R$ 101, 1 é contrapartida do município. Ele também conhecerá as obras da escola Estadual Mario Raiter, além de escolas estaduais que vão receber ampliação de salas de aula e quadra de esportes.

“O governo do Estado tem priorizado a Educação. No município de Sorriso, são investimentos de aproximadamente R$ 15 milhões. Estão sendo construídas duas escolas. Temos mais quatro escolas que vão ter ampliação de 8 salas, construção de quadra, refeitórios. Ou seja, toda infraestrutura física das escolas. Vão ter estrutura de ponta com investimento do programa Mais Mato Grosso. Além disso, tem os investimentos na parte tecnológica. Todos os professores receberam os recursos para adquirirem de notebooks. Hoje foi liberado a parcelo do recurso de internet”, detalhou Porto, em entrevista coletiva.

Conforme Só Notícias já informou, a escola militar Tiradentes será composta por 16 salas de aula, refeitório, quadra poliesportiva, biblioteca, laboratórios e dependências administrativas. A área do bloco educacional conta com mais de 3 mil m² e a quadra poliesportiva é de 651 m². A expectativa é atender cerca de 500 alunos por turno. Atualmente, as aulas são em prédio de uma faculdade é uma unidade estadual com gestão militar, que entrou em funcionamento em julho de 2017.

A elaboração do projeto arquitetônico da Tiradentes, ficou a cargo da equipe técnica do Estado de Mato Grosso, e os demais projetos (estrutural, hidrossanitário, elétrico, SPDA, posto de transformação, lógica e incêndio) foram elaborados pelos profissionais da secretaria municipal da Cidade (Semcid), que também trabalharam no orçamento final da obra.

Já para as obras da escola Mário Raiter serão investidos R$ 5,2 milhões, em parceria da prefeitura com o governo do Estado. O terreno tem, 9,9 mil metros quadrados e foi doado pela prefeitura. A área edificada terá mais de 2,9 mil m², e área coberta de convívio mais de 101 m², totalizando uma área construída superior a 3 mil metros quadrados.

O projeto é composto por 16 salas de aula, ambiente de circulação, banheiros masculino e feminino, biblioteca, salas de informática, de reuniões e de professores, banheiros para pessoas com deficiência, almoxarifado, secretaria e diretoria.

Redação Só Notícias (fotos: Só Notícias/Lucas Torres - atualizada às 15h10)