Educação

Professora da Unemat Sinop participa de obra finalista em premiação de associação britânica

O livro “Visualising multilingual lives: more than words”, (Visualizando vidas multilíngues: mais do que palavras), no qual a professora do curso de Letras, Ana Carolina de Laurentiis Brandão, da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), câmpus de Sinop, contribuiu com um capítulo, ficou entre os quatro finalistas para o 2020 Baal Book Prize. O evento é uma premiação anual para livros da Associação Britânica de Linguística Aplicada.

O capítulo da professora Ana Carolina intitulado “imaginando o ensino de segunda língua no Brasil: que histórias desenham professores em formação?”, analisa a maneira como professoras de inglês em formação imaginam a profissão por meio de desenhos, e as histórias que dão forma a suas identidades docentes imaginadas.

Segundo Ana Carolina, a obra é destinada para aqueles que têm interesse por iniciativas de educação e ou pesquisa com base nas artes em processos de ensino-aprendizagem de línguas, pesquisas de cunho narrativo e, sobretudo, maneiras criativas de permitir que participantes expressem o que é difícil verbalizar.

“Paula e Sílvia fizeram um belíssimo trabalho compilando capítulos inspiradores sobre o uso de métodos visuais. É um livro para pesquisadores que buscam experimentar métodos de pesquisa não-convencionais e ir além das tradicionais entrevistas. Para mim, é um honra fazer parte de uma obra tão instigante e tão bem aceita pelos pares”, disse.

O livro, organizado por Paula Kalaja da Universidade de Jyväskylä, na Finlândia e Sílvia Melo-Pfeifer, da Universidade de Hamburgo, na Alemanha, compila pesquisas realizadas ao redor do mundo que utilizam métodos visuais como desenhos, fotos, narrativas multimodais, entre outros, para melhor entender processos de constituição identitária e experiências de ensino-aprendizagem de línguas em contextos multilíngues. As informações são da assessoria da Unemat.

Redação Só Notícias (foto: arquivo/Só Notícias/Guilherme Araújo)