Educação

Mais de 17 mil alunos voltam às aulas na próxima 4ª feira em Sinop

A partir de quarta-feira, mais de 17 mil estudantes volta às aulas nas escolas municipais de Sinop. Com isso, a secretaria de Educação realiza os últimos serviços de manutenção nas unidades de ensino. Os serviços variam desde revisão da parte elétrica dos prédios e troca de piso em algumas unidades, reforma de banheiro, substituição de telhado, acessibilidade, reparos na parte de iluminação e pintura.

“Esse é o momento de entrarmos na reta final e estarmos com as escolas em dia para receber com todo o carinho nossos alunos. Estamos trabalhando muito para consolidar, como determinou nossa prefeita Rosana Martinelli, a educação de Sinop como referência”, disse a secretária de Educação, Veridiana Paganotti.

Sinop conta com um total de 39 escolas municipais, 10,4 mil  estudam naquelas instituições que contam com a oferta de Ensino Fundamental, enquanto 7,3 mil pertencem às unidades de educação infantil.O ano letivo também começará com novidades em Sinop.

Por mais um ano seguido, a prefeitura fornecerá aos alunos da rede conjuntos escolares contendo, inclusive, mochila, uniformes e calçado. As peças serão entregues gradativamente, mas a programação da S.M.E.E.C é, a partir da primeira semana letiva, que os estudantes já recebam a mochila. Depois, serão os uniformes e calçados.

“A prefeitura não vem medindo esforços para consolidar nossa educação. Queremos construir uma marca forte nessa área e, para isso, estamos centrando forças para que, todos os nossos esforços resultem na melhoria dos níveis da educação do nosso município, bem como na qualidade de vida e trabalho por nossos servidores. Entregaremos, novamente, os uniformes às mais de 17 mil crianças, realizamos investimentos estruturais nas escolas, entregamos materiais e equipamentos para uso em sala de aula, laboratórios de informática e demais, além de cursos que estão sendo realizados para capacitar nosso corpo técnico. Estamos no caminho certo e nos empenhando sempre mais para tornar nossa educação ainda mais referência”, destacou Paganotti.

As informações são da assessoria.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)