Educação

Empresa assina contrato de R$ 1,2 milhão para obras no campus da Unemat em Sinop

A reitora da Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat), Ana Maria Di Renzo, assinou contrato com uma empresa de Cuiabá que ficará responsável pela execução da obra de reforma e ampliação do Centro Experimental e Tecnológico (CET) do campus de Sinop. As propostas foram recebidas em outubro. O critério para escolha da empresa foi o de menor valor ofertado.

A abertura de envelopes estava marcada para o início de setembro. No entanto, foi suspensa para análise técnica do projeto executivo e eventual correção. O novo edital definiu teto orçamentário de R$ 1,4 milhão (anteriormente era de R$ 1,2 milhão). A proposta da empreiteira cuiabana, por outro lado, foi de R$ 1,2 milhão. O prazo de vigência do contrato será de 730 dias. O tempo limite para execução, no entanto, é de 365 dias.

Na justificativa do projeto, a Unemat destacou que a ampliação “fortalecerá os grupos de pesquisa, que por sua vez, incrementarão a produção científica nas diversas áreas do conhecimento, pois estarão disponíveis tanto os espaços laboratoriais quanto tecnológicos específicos e devidamente equipados para a realização de pesquisas e tratamento de dados dessas áreas”.

A universidade apontou ainda que “as redes de colaboração e de pesquisa terão no CET um espaço adequado para a realização de encontros dos grupos no acolhimento das demais instituições componentes dessas redes de pesquisa”  e que  a tecnologia ofertada e utilizada nas pesquisas “servirá também de incentivo, fomento a outras parcerias e formação de novas redes”.

Segundo a Unemat, a construção do CET ainda permitirá melhor integração da graduação com a pós-graduação bem como o acesso e inclusão da comunidade acadêmica por meio de um ambiente propício para os grupos de pesquisa e influência direta no surgimento de novos pesquisadores.