Economia

Sinop: governo do Estado oferta R$ 2 milhões em linhas de crédito para impulsionar setor do turismo

A secretaria municipal de Desenvolvimento Econômico, através do Desenvolve MT, está fornecendo, como forma de fortalecer os trabalhos no segmento de turismo local, R$ 2 milhões em linhas de crédito para os setores de atendimento, acomodação, melhoria de infraestrutura, equipamentos turísticos e transportes, entre outros.

Os formatos de financiamento são em obras civis, oferecendo créditos no valor de até R$ 1 milhão, com prazo total de 72 meses para quitação, e carência de 24 meses. Taxa de juros de 1,20% ao mês, com bônus de 30% para pagamento em dia na fase de amortização. O foco do crédito é financiamento de infraestrutura física, como implantação, ampliação, modernização e reforma.

Linhas para financiar máquinas e equipamentos nacionais novos. Com valor de até R$ 500 mil e prazo de 60 meses para quitação, com carência de 12 meses. Taxa de juros de 1% ao mês, com bônus de adimplência de 30% para pagamento em dia.

Investimentos em transporte, com créditos destinados a financiar até 80% de veículo a ser utilizado. O valor é de até R$ 500 mil, com taxa de juros de 1,20% ao mês, sendo 30% para pagamento em dia na fase de amortização.  O prazo para quitação é de 60 meses e carência de três meses.

Também a créditos para capital de giro, com valor é de até R$ 100 mil. O prazo é de 48 meses para quitação, com carência de até seis meses. Taxa de juros de 2% ao mês e 30% para pagamento em dia na fase de amortização. Para o microempreendedor individual (MEI), o valor é de até R$ 20 mil.

A solicitação das linhas pode ser feita através da plataforma digital do Desenvolve MT, no site do governo estadual. “Nós sabemos o quanto setor de serviços e forte e essas linhas específicas para o turismo vem para reforçar as atividades e dar um fôlego para aqueles que desejam ingressar no mercado, mas por questões financeiras, não conseguiriam” ressalto o gestor da pasta, Klayton Gonçalves.

Entre 2021 e abril deste ano, foram liberados mais de R$ 13 milhões para o trade turístico mato-grossense. O montante corresponde a 52,30% dos créditos concedidos a 307 empresas no estado.

Redação Só Notícias (foto: Julio Cesar Tabile/assessoria)