Economia

Sinop, Cuiabá e Tangará estão no ranking das melhores do Brasil para investir na agropecuária

Sinop apareceu na 14ª colocação no levantamento feito pela Urban Systems para a revista Exame que apontou as 100 melhores cidades para se investir no setor agropecuário. O estudo avaliou 326 municípios com população acima de 100 mil habitantes e considerou 16 a 20 indicadores como evolução do setor, oferta concorrente, impacto da pandemia no setor, demanda ou crescimento da demanda e infraestrutura complementar.

No ranking, Mato Grosso ainda é representado por Cuiabá na 11ª, Tangará da Serra na 51ª e Rondonópolis na 59ª. A primeira colocada na classificação é Juazeiro (BA), seguida de Petrolina (PE), e Brusque (SC).

Sinop recebeu Índice de Qualidade Mercadológica 3.101 (máxima 10) e aparece a frente de cidades como Birigui (SP), Londrina (PR), Chapecó (SC), Cascavel (PR), Mogi das Cruzes (SP), Piracicaba (SP) Santarém (PA), Goiânia (GO) e até da metrópole São Paulo, dentre outras.

Os pesos utilizados para compor o estudo são empregos no setor com média e alta remuneração, crescimento da produção da lavoura temporária, produtividade lavoura permanente e temporária, crescimento da produção pecuária, crescimento da exportação e saldo de empregos no setor de agropecuária.

Além disso, a nova edição do estudo apresentou também uma visão das cidades que mesmo diante do cenário de pandemia, mantiveram destaque entre pontos analisados e por isso foi criado o eixo Macro Cenário, com indicadores específicos, como impacto da Covid na população (infectados, mortos, taxa de fatalidade), na economia, e cenário quanto a diversidade econômica e empregabilidade.

Conforme Só Notícias já informou, Sinop também apareceu na lista das melhores cidades para investir no setor comercial, ficando na 42º colocação, com IQM de 5.098. Já no ranking de mercado imobiliário, o município está em 53º na lista, com nota 3.682.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: Só Notícias/Lucas Torres/arquivo)